Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

03/01/2005 15:49

MS: começam obras do frigorífico-escola

Famasul

A construção da primeira etapa do Frigorífico-Escola da Embrapa Gado de Corte, em Campo Grande (MS), deve ficar pronta em aproximadamente 90 dias. As cartas-convite foram abertas na semana passada. Duas empresas de Campo Grande participaram da licitação e a vencedora foi a Conmex Engenharia.

A pedra fundamental do frigorífico, que faz parte do projeto do Centro Tecnológico da Carne do Mato Grosso do Sul, foi lançada no início de novembro pelo ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Rodrigues, e o governador José Orcírio Miranda dos Santos, o Zeca do PT. As obras começarão este mês.

A homologação da licitação será feita pela diretoria do Instituto Parque do Pantanal (IPP), parceira da Embrapa no projeto. "Este centro vai possibilitar a geração de conhecimento, o desenvolvimento tecnológico e da inovação, ao mesmo tempo em que deve permitir o treinamento, a capacitação de pessoal e a agregação de valor à pecuária brasileira", diz Rodrigues.

O frigorífico terá capacidade de realizar o abate diário de 100 bovinos, além de estar apto para abater pequenos animais como ovinos, caprinos e animais silvestres. Além de propiciar condições adequadas para as pesquisas, as instalações servirão de base estrutural para a capacitação e o aperfeiçoamento de mão-de-obra.

O chefe-geral da Embrapa Gado de Corte, Kepler Euclides Filho, afirma que o frigorífico proporcionará, principalmente, a transferência tecnológica e a capacitação profissional de todos os elos da cadeia produtiva da carne, contribuindo para a geração de emprego e renda.

A coordenadora do Núcleo de Animais Silvestres do IPP, Mara Pereira da Silva, diz que é um projeto único. "O abatedouro vai servir de modelo para outros frigoríficos", diz.

O centro, que deve ser inaugurado até o fim de 2005, fará a prospecção de demandas para pesquisa, desenvolvimento e inovação, a transferência efetiva da tecnologia, além do ensino e capacitação de mão-de-obra especializada.

As obras estão orçadas em cerca de R$ 2,8 milhões. Desse total, R$ 1,8 milhão estão assegurados por parcerias com o governo de Mato Grosso do Sul, o IPP e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

A Embrapa ainda negocia um convênio com a Fundação Bradesco para implantar a Agroescola, um curso de especialização de nível médio destinado a técnicos agrícolas.


Autor:
Agro Amazônia, adaptado por Equipe BeefPoint

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)