Cassilândia, Sábado, 22 de Julho de 2017

Últimas Notícias

16/03/2016 07:40

MPF quer que prefeitura banque reforma de área que deve virar espaço cultural

Campo Grande News

O MPF (Ministério Público Federal) quer que a prefeitura de Paranaíba - localizada a 422 km de Campo Grande - reforme o espaço construído irregularmente para abrigar o lanchódromo da cidade, na praça Carnaíba, e destine o local para a instalação do Centro Público de Comercialização de Produtos Artesanais.

A ação, ingressada na Justiça, pede adaptações estruturais para a correta guarda e conservação de produtos artesanais, já que a área deveria ser destinada para esse fim, conforme convênio entre a prefeitura e a União. A administração municipal mudou a finalidade do espaço sem autorização, ato confirmado em outra decisão ação judicial.

Cerca de R$ 500 mil foram cedidos para a construção, como forma de incentivo à cultura e ao turismo. A multa prevista pelo MPF é de R$ 1 mil por dia caso o prédio na praça não receba o centro artesanal. Como o espaço ficou aberto e sem abrigo ao sol e chuva, será necessário fazer essa cobertura.

Para o MPF, como houve desvio de finalidade na execução do convênio, a obrigação de realizar as obras de adaptação da área é da prefeitura. Um novo projeto e o cronograma estimado de execução das obras deve ser apresentado em até 90 dias se a ação for julgada procedente pela Justiça.

Em janeiro, a Justiça considerou irregular o não cumprimento do convênio com a União e obrigou a prefeitura de Paranaíba a destinar corretamente a área na praça Carnaíba para a instalação Centro Público de Comercialização de Produtos Artesanais.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 22 de Julho de 2017
Sexta, 21 de Julho de 2017
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do dia
Quinta, 20 de Julho de 2017
10:07
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)