Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

31/10/2007 09:39

MPE investiga se caixa 2 de Zeca teve recursos federais

Fernanda Mathias/Campo Grande News

O MPE (Ministério Público Estadual) está investigando se o esquema de caixa 2 do ex-governador de Mato Grosso do Sul, Zeca do PT, sob investigação, teria recursos do governo federal, vindos através do Banco do Brasil. A informação consta em reportagem divulgada nesta quarta-feira pelo jornal Folha de São Paulo.

O MP apreendeu dois livros-caixa com extensa relação de parlamentares, ex-secretários, servidores (até a equipe de segurança do governador) e empresários. Ao lado de cada nome, constam valores, indício da existência de uma contabilidade paralela das verbas públicas.

Verba federal – Há ainda suspeita de desvio de verbas liberadas pela União para custear a campanha publicitária de combate à dengue. A promotoria teria recebido ofício da secretária estadual da Saúde, Beatriz Dobashi, no qual ela informou que pelo menos R$ 50 mil foram pagos em serviços publicitários que não foram prestados.

Os documentos que indicariam o desvio de recursos federais, conforme a matéria, estariam sob análise do promotor de Justiça Marcos Antônio Martins Sottoriva. É citado como exemplo nota fria emitida por uma agência para o Festival América do Sul, que acontece em Corumbá. O evento teria R$ 2,5 milhões de patrocínio do Banco do Brasil.

Uma força-tarefa com seis promotores investiga o desvio de verbas pelo governo Zeca e quatro ações foram ingressadas na Justiça, sendo que uma foi trancada sob alegação de que a investigação criminal foi feita por promotores e não pela Polícia Civil, tema controverso no meio jurídico.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)