Cassilândia, Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017

Últimas Notícias

27/10/2006 09:25

MPE deve apurar descaso com a segurança de Cassilândia

A notícia foi veiculada pelo site Midiamax, de Campo Grande. Leia:

Os promotores de Justiça dos Direitos Constitucionais dos Cidadão e do Consumidor da comarca de Cassilândia, Fábio Ianni Goldfinger e Ronaldo Vieira Francisco, instauraram um inquérito civil para apurar a omissão do Estado com a segurança pública no município de Cassilândia.


Consta no inquérito que a omissão ocorre em razão da precariedade, em termos de material humano e de trabalho da Policia Militar, Civil e Ambiental, além da falta de materiais básicos, como combustível e viaturas. Também foi denunciada a falta de segurança no presídio da cidade.


Segundo os promotores, foram encaminhados ofícios ao Governador do Estado e ao Secretário de Segurança Pública, pedindo explicações em relação a omissão do Estado e a precariedade na segurança pública constatada no município, quando da reunião realizada por diversas autoridades para tratar do assunto, oficio este que ainda não foi respondido.


O Ministério Público pretende apurar até que ponto está havendo prejuízo para a comunidade e a real situação dos organismos responsáveis pela segurança pública na região. Para isso foram expedidos ofícios solicitando informações à Diretoria-Geral da Polícia Civil, Comando-Geral da Polícia Militar, Comando da Polícia Militar Ambiental, Delegado Regional da Polícia Civil de Cassilândia e Comandante da Polícia Militar de Cassilândia.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 20 de Novembro de 2017
Domingo, 19 de Novembro de 2017
11:00
Mundo Fitness
Sábado, 18 de Novembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sexta, 17 de Novembro de 2017
19:49
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)