Cassilândia, Sábado, 24 de Junho de 2017

Últimas Notícias

08/01/2007 19:37

MPE cede e aceita pagar servidores até 20 de janeiro

Humberto Marques/Campo Grande News

O Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul concordou em postergar o pagamento de seus funcionários referente ao mês de dezembro. Durante negociação realizada na tarde desta segunda-feira (8 de janeiro) na Secretaria de Estado de Fazenda, a procuradora-geral do órgão, procuradora Irma Anzoategui, ouviu do governador André Puccinelli (PMDB) o compromisso de pagar parte do dinheiro destinado aos servidores no dia 20 de janeiro.

“O MP permitiu que fosse pago parte do dinheiro no dia 20. Eles querem a maior parte dos R$ 8,7 milhões”, afirmou, ressaltando que a quantia é a mesma repassada ao órgão em dezembro passado. “Eles consentiram que o valor não tivesse acréscimo”, prosseguiu o governador. Irma Anzoategui, por sua vez, informou que “até o dia 20” espera receber cerca de R$ 6,8 milhões, valor da folha de pagamento do MPE.

Segundo a procuradora, o órgão recebia repasses estaduais em quatro ocasiões ao mês: cerca de R$ 400 mil no primeiro dia útil (usado para pagamento de aluguéis e dívidas com o INSS), R$ 6,5 milhões entre os dias 8 e 10 (salários), e mais R$ 1,75 milhão, divididos entre os dias 20 e 30 de cada mês. “Esse ano não recebemos nada. Agora, vamos esperar o repasse dos R$ 6,8 milhões”, complementou Irma Anzoategui.

Antes de negociar com o MP, Puccinelli já havia ouvido “cobranças” por parte do presidente do Tribunal de Justiça do Estado, Claudionor Abss Duarte, acerca dos repasses ao órgão neste mês. O governador se comprometeu a pagar, entre os dias 8 e 10, parte do dinheiro a que o TJ tem direito – para o pagamento de parte do funcionalismo. Pressão semelhante já foi realizada, segundo o chefe do Executivo estadual, pela Assembléia Legislativa, Defensoria Pública e Tribunal de Contas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 23 de Junho de 2017
Quinta, 22 de Junho de 2017
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)