Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/01/2016 17:50

MP define situação de 20 fazendas investigadas por danos ambientais em fevereiro

Liana Feitosa, Campo Grande News

O MPE/MS (Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul) publicou a pauta da 1ª reunião ordinária do Conselho Superior do MPE deste ano. Entre os assuntos que serão discutidos está a apuração de irregulares e danos ambientais em pelo menos 20 propriedades rurais, conforme lista disposta no Diário Oficial do órgão desta sexta-feira (29).

As propriedades investigadas ficam em várias cidades do Estado. No entanto, existem municípios com até 5 fazendas na mira do Ministério Público, como é o caso de Campo Grande. Em Camapuã, a 133 quilômetros da Capital, são 4 propriedades investigadas e, em São Gabriel do Oeste, são 3.

Os inquéritos têm o objetivo de apurar a ocorrência de dano ambiental e falta de medidas de prevenção da natureza e do solo nesses locais. Em grande parte dos imóveis rurais há processo erosivo e assoreamento de rios e mananciais.

Em Campo Grande, a apuração de danos ambientais tem como foco fazendas localizada na Bacia do Guariroba, cuja APP (Área de Preservação Ambiental) pode estar prejudicada pelas atividades dessas propriedades.

Os inquéritos estão listados a partir da página 23 do Diário Oficial do MPE de hoje, que pode ser baixado no site do órgão, no canto superior direito da tela: http://www.mpms.mp.br/. A reunião está agendada para o próximo dia 2 de fevereiro, às 8h30.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)