Cassilândia, Domingo, 27 de Maio de 2018

Últimas Notícias

02/12/2008 12:53

Mortes por afogamento disparam: são 106 casos este ano

Fernanda Mathias - Campo Grande News

A disparada nas mortes por afogamento em rios, represas e piscinas neste ano desperta preocupação do Corpo de Bombeiros que está emitindo um alerta à população. De janeiro até o último fim de semana foram 106 casos em Mato Grosso do Sul, número que representa mais que o dobro de todo o ano passado, de acordo com a corporação. Apenas 16 pessoas foram resgatadas com vida este ano.

O que preocupa é a combinação de férias com o verão, quando as pessoas procuram mais se banhar em águas de rios, córregos e piscinas. Só no último fim de semana oito pessoas se afogaram, em Fátima do Sul, Dourados, Água Clara e Tacuru. Seis tinham idades entre 8 e 15 anos. Em um dos casos, ocorrido na tarde de sábado, em Água Clara, quatro se afogaram de uma vez: três irmãos de 11, 12 e 8 anos e a tia, de 15 anos.

Uma das crianças se afogou e as outras submergiram ao tentar salva-la. A orientação dos bombeiros nestes casos é de jogar uma corda, um pedaço de madeira ou mesmo uma peça de roupa para resgatar a outra pessoa para a borda. Isso porque a pessoa que está se afogando se desespera e tende a puxar a outra para o fundo. “Se pular na água para tentar salvar uma vida a pessoa pode acabar se tornando outra vítima”, alertam os bombeiros.

De acordo com os bombeiros, as crianças menores de 10 aos e pessoas com mais de 50 anos são as principais vítimas. A corporação recomenda muita cautela e atenção antes de entrar em piscinas, rios, lagos ou lagoas. No caso das piscinas, a recomendação é que que as pessoas freqüentem apenas clubes que tenham o certificado de vistoria do Corpo de Bombeiros e que tenham a presença de, no mínimo, dois guarda-vidas a cada 500 metros quadrados de água, exigido por legislação.

Evitar de nadar sozinho é outro cuidado que deve ser adotado, porque cãibras ou cansaço podem fazer a pessoa perder a força e se afogar. Em rios, o risco é maior, principalmente devido à força da correnteza e também pela profundidade. Neste caso, a corporação aconselha que crianças somente entrem em rios rasos e acompanhados de responsáveis maiores de idade e que saibam nadar. Também é aconselhável evitar sair das margens do rio. Crianças devem estar sempre equipadas com bóias ou flutuadores para aumentar a segurança.

Outra orientação é evitar brincadeiras ‘caldos’, ‘trotes’ ou ‘saltos’. A profundidade de um rio ou de uma piscina muitas vezes é pequena e saltos podem machucar ou atém mesmo contribuir para um possível afogamento. Os conhecidos ‘trotes’ e ‘caldos’ podem também ser fator de risco para afogamento, principalmente para crianças pequenas. Essas dicas valem também para lagos e lagoas.

A ingestão de bebida alcoólica combinada com a água também pode trazer resultados desastrosos porque, além de comprometer o reflexo, a bebida acaba desinibindo a pessoa e encorajando ela a ultrapassar limites.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Maio de 2018
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)