Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

19/07/2009 14:36

Morre o ex-governador Gilberto Mestrinho

Amanda Mota , Agência Brasil

Manaus - O ex-governador e ex-senador pelo Amazonas, Gilberto Mestrinho, do PMDB, faleceu hoje (19), por volta das 10h10 – horário de Brasília. Ele estava internado no Hospital Prontocord, em Manaus, desde o dia 3 deste mês. De acordo com a assessoria do ex-parlamentar, o boletim médico divulgado apontou como causa da morte uma insuficiência cárdio-respiratória. Mestrinho estava com 81 anos, deixa esposa, nove filhos e mais de 20 netos.

A assessoria de Mestrinho informou ainda que ele foi internado no Prontocord em Manaus com insuficiência renal crônica. Os problemas de saúde do ex-governador se intensificarem no início deste ano, quando tiveram início os primeiros acompanhamentos médicos no Rio de Janeiro. Segundo parentes, ele preferiu voltar a Manaus para fazer o tratamento.

O corpo de Mestrinho será velado a partir das 15h (hora local), no Palácio Rio Negro, antiga sede do governo do Amazonas. A família quer dar oportunidade para que a população se despeça do ex-senador e ex-governador do Amazonas. Ele será embalsamado e o enterro está previsto para as 10h da terça-feira (21), no cemitério São João Batista, na capital amazonense.

Gilberto Mestrinho nasceu em Manaus no dia 23 de fevereiro de 1928. Iniciou sua carreira política na década de 1950 como prefeito de Manaus. Foi deputado federal e também governador do Amazonas por três vezes, nos anos de 1959 a 1963; 1983 a 1987; e 1991 a 1995. No Senado, onde permaneceu de 1998 até 2007, Mestrinho comandou a Comissão Mista de Orçamento por três anos seguidos.

Ao longo de anos de vida política, Gilberto Mestrinho recebeu diversos apelidos como "imperador da selva", mas o que gostava mais – e o que ganhou maior popularidade – foi o de "Boto Tucuxi". Sua última tentativa de concorrer a cargo público ocorreu em 2006, quando lançou-se como candidato à reeleição ao Senado pelo PMDB Amazonas. Ele não foi eleito, tendo ficado em terceiro lugar.






Edição: Antonio Arrais

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)