Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

22/11/2008 07:56

Ministro quer estender benefício da meia-entrada

Fabio Pellegrini - Campo Grande News

O ministro da Cultura, Juca Ferreira, sugeriu ontem, em Brasília (DF), que a criação de cotas de ingressos de eventos a serem vendidos pela metade do preço pode ser uma forma para ampliar a concessão do benefício a um universo maior de jovens.

"Se estabelecermos cotas com fiscalização, podemos estender a meia-entrada a mais estudantes para estimular o aperfeiçoamento dos estudos no Brasil", opinou, usando como exemplo os cursos preparatórios para o vestibular e de línguas estrangeiras.

O projeto de lei que está em discussão no Senado para regularizar a emissão do documento de identidade estudantil estabelece um teto de 40% dos ingressos para este público. E limita a emissão da carteirinha a estudantes matriculados nos ensinos fundamental, médio e superior, pós-graduação e técnico profissionalizante.

O movimento estudantil critica a adoção do sistema de cotas para meia-entrada sob o argumento de que não há mecanismos para controlar a venda. A UNE (União Nacional dos Estudantes) diz que os produtores podem afirmar que já venderam toda a cota sem que isso corresponda à realidade.

Para Ferreira, o controle pode ser feito por meio da venda informatizada. "Hoje, a maior parte das casas de espetáculo está informatizada. Em segundos é possível ter acesso ao borderô eletrônico, para ver se a cota de meia-entrada foi mesmo vendida ou se foi uma invenção para aumentar o lucro", disse.

O ministro também sugeriu a criação de uma ouvidoria para receber denúncias sobre o não cumprimento da regra por parte dos produtores.

Com informações da Uol Notícias.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)