Cassilândia, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

Últimas Notícias

22/11/2008 07:56

Ministro quer estender benefício da meia-entrada

Fabio Pellegrini - Campo Grande News

O ministro da Cultura, Juca Ferreira, sugeriu ontem, em Brasília (DF), que a criação de cotas de ingressos de eventos a serem vendidos pela metade do preço pode ser uma forma para ampliar a concessão do benefício a um universo maior de jovens.

"Se estabelecermos cotas com fiscalização, podemos estender a meia-entrada a mais estudantes para estimular o aperfeiçoamento dos estudos no Brasil", opinou, usando como exemplo os cursos preparatórios para o vestibular e de línguas estrangeiras.

O projeto de lei que está em discussão no Senado para regularizar a emissão do documento de identidade estudantil estabelece um teto de 40% dos ingressos para este público. E limita a emissão da carteirinha a estudantes matriculados nos ensinos fundamental, médio e superior, pós-graduação e técnico profissionalizante.

O movimento estudantil critica a adoção do sistema de cotas para meia-entrada sob o argumento de que não há mecanismos para controlar a venda. A UNE (União Nacional dos Estudantes) diz que os produtores podem afirmar que já venderam toda a cota sem que isso corresponda à realidade.

Para Ferreira, o controle pode ser feito por meio da venda informatizada. "Hoje, a maior parte das casas de espetáculo está informatizada. Em segundos é possível ter acesso ao borderô eletrônico, para ver se a cota de meia-entrada foi mesmo vendida ou se foi uma invenção para aumentar o lucro", disse.

O ministro também sugeriu a criação de uma ouvidoria para receber denúncias sobre o não cumprimento da regra por parte dos produtores.

Com informações da Uol Notícias.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 23 de Junho de 2017
Quinta, 22 de Junho de 2017
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)