Cassilândia, Terça-feira, 28 de Março de 2017

Últimas Notícias

10/01/2008 14:03

Ministro discute cortes no Orçamento com líderes às 15h

O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, reúne-se hoje, às 15 horas, com os líderes partidários na Câmara e no Senado para discutir os cortes de R$ 20 bilhões no Orçamento deste ano. Segundo o ministro, será feita uma apresentação aos líderes com sugestões para ajustar as despesas. Ele antecipou, no entanto, que a maior parte dos cortes para compensar a perda da CPMF deve incidir sobre os gastos do Executivo.

"O trabalho mais difícil começa agora: fazer o corte virar realidade, detalhando cada despesa, cada ministério, cada obra. Desses R$ 20 bilhões, talvez 90% recaiam sobre as despesas do Executivo. Eu não tenho ainda essa proporção fechada, mas tem de ser proporcional à dotação orçamentária, porque senão haveria um peso muito grande no Legislativo e no Judiciário", explicou Paulo Bernardo.

O ministro voltou a defender a preservação do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), mas admitiu que os recursos podem ser remanejados de acordo com o andamento das obras.

Já os reajustes para servidores (inclusive militares) estão descartados neste momento. Paulo Bernardo destacou que primeiro é preciso recompor o Orçamento, para então conversar sobre reajustes. O ministro voltou a defender a suspensão das emendas coletivas de parlamentares.

O relator do Orçamento, deputado José Pimentel (PT-CE), disse que as emendas individuais e coletivas não serão tratadas de forma diferenciada. "As emendas integram o Orçamento dos três poderes; não são peças avulsas. As individuais atendem prioritariamente aos municípios, e as coletivas atendem aos estados, ao Distrito Federal, ao Executivo, ao Legislativo ao Judiciário e também ao Ministério Público; portanto, as emendas fazem parte do orçamento e serão tratadas dessa maneira", disse.



Agência Câmara

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 27 de Março de 2017
Domingo, 26 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)