Cassilândia, Terça-feira, 17 de Outubro de 2017

Últimas Notícias

26/11/2005 09:14

Ministério reduz áreas interditadas no MS e PR

Keite Camacho/ABr

As áreas interditadas no Mato Grosso do Sul, por causa dos focos de febre aftosa, e no Paraná, por suspeita da doença, foram reduzidas pelo secretário de Defesa Agropecuária, Gabriel Alves Maciel. A medida só entra em vigor, no entanto, depois que os dois estados publicarem a relação das propriedades localizadas nessas regiões. O secretário assinou a Instrução Normativa nº 36, publicada no Diário Oficial da União dessa sexta-feira (25).

O ato revoga a Instrução Normativa nº 34, de 31 de outubro deste ano, que determinou a área de segurança sanitária para os municípios de Eldorado, Japorã e Mundo Novo e parte de Iguatemi e Itaquiraí, todos em MS. No Paraná, a área de risco foi reduzida para um raio de 10 quilômetros, abrangendo os municípios de Loanda, Maringá, Amaporã e Grandes Rios.

A decisão foi tomada com base no resultado das inspeções feitas em propriedades rurais e das avaliações clínicas em animais, segundo a assessoria de Comunicação Social do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

De acordo com a medida, fica proibida a saída de animais sujeitos à aftosa, produtos e subprodutos, bem como "materiais de multiplicação" das áreas de risco para os mercados interno e externo.

Com informações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 17 de Outubro de 2017
10:00
Receita do dia
Segunda, 16 de Outubro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 15 de Outubro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)