Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/08/2006 20:38

Ministério descarta novo foco de aftosa em MS

rmtonline


O Ministério da Agricultura descartou hoje a presença de um novo foco de febre aftosa na região sul do Estado, mas os técnicos estudam a possibilidade de voltar a abater animais na região. Os técnicos do Ministério da Agricultura, veterinários da Superintendência Federal de Agricultura (SFA) e da Iagro passaram dois dias reunidos em Campo Grande para chegar a um consenso sobre o resultado de exames de sangue feitos em 2.500 animais da região.

Parte das amostras revela que havia anticorpus do vírus da aftosa em 62% dos animais de 68 propriedades. A notícia interfere diretamente em três municípios do Sul do Estado, Eldorado, Japorã e Mundo Novo, que seriam desinterditados e poderiam voltar a comercialização de gado nos próximos dias. A culpa, dizem as autoridades sanitárias, é dos próprios produtores que vacinaram os rebanhos mesmo com a proibição da Agência de Defesa Animal. De acordo com o Diretor-Presidente da Iagro e secretário de Produção e Turismo, João Cavalléro, os pecuaristas que não cumpriram a determinação “vão pagar caro”.

O Ministério da Agricultura descartou que haja novo foco de aftosa na região, mas vai se reunir nesta sexta-feira, em Brasília, para decidir se vai abater os animais que apresentaram os anticorpus da febre aftosa. Na reunião, o Grupo Especial de Atenção à Saúde Animal também vai decidir quando serão feitas novas coletas de sangue na região.




Fonte: Redação TV Morena

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)