Cassilândia, Segunda-feira, 23 de Julho de 2018

Últimas Notícias

12/12/2017 15:00

Ministério da Saúde registra queda de mais de 83% nos casos de dengue

Correio do Estado

 

Entre janeiro e novembro deste ano, as notificações de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, mosquito causador da dengue, chikungunya e zika vírus, tiveram queda na comparação com o mesmo período de 2016. Os casos de dengue diminuíram 83,7%, assim como os óbitos, que tiveram redução de 82,4%.

Ainda caso para atenção, a dengue é uma doença viral que se espalha rapidamente no mundo. O maior surto no Brasil ocorreu no ano de 2013, com aproximadamente 2 milhões de casos notificados.

O controle está centrado na redução da presença do mosquito. Campanhas do Ministério da Saúde alertam para os cuidados com a limpeza nas casas e nas ruas, para a eliminação de possíveis criadouros, e para a gravidade da doença.

A pernambucana Rosineide Mota perdeu a filha para a dengue e destaca que "em nenhum momento acreditava que seria tão grave”. “Fico tentando conscientizar as pessoas de que realmente a dengue mata”, alerta.

A transmissão da doença se faz pela picada dos mosquitos e, segundo o Ministério da Saúde, já foram registrados casos de transmissão da gestante para o bebê e por transfusão sanguínea. O mosquito permanece infectado por toda a vida (6 a 8 semanas). O período de incubação no homem varia de 4 a 10 dias, sendo em média de 5 a 6 dias. Após este período surgem os sintomas da doença.

Sintomas

A primeira manifestação da dengue, geralmente, é febre alta (39° a 40°C) de início abrupto, que geralmente dura de 2 a 7 dias, acompanhada de dor de cabeça, dores no corpo e articulações, prostração, fraqueza, dor atrás dos olhos, erupção e prurido cutâneo. Perda de peso, náuseas e vômitos também são comuns.

Em Pernambuco, Edna Lima contraiu dengue e percebeu após manchas avermelhadas no corpo. “Acabei perdendo quase dez quilos. Não conseguia me alimentar, muitas dores e falta de apetite”, lembra a dona de casa.

No período de diminuição ou desaparecimento da febre, geralmente entre o terceiro e o sétimo dia da doença, alguns casos irão evoluir para a recuperação e cura, porém outros podem apresentar sinais de alarme, evoluindo para forma graves da doença.

Em caso de suspeita, é preciso procurar o serviço de saúde mais próximo, fazer repouso e ingerir água, sucos, soro caseiro ou água de côco.

Tratamento

O tratamento baseia-se principalmente em hidratação adequada. De acordo com o Ministério da Saúde, deve-se levar em consideração o estágio da doença, segundo os sinais e sintomas apresentados pelo paciente. A partir daí, é possível decidir condutas e a unidade de saúde ideal que se deve procurar.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 23 de Julho de 2018
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do dia
Domingo, 22 de Julho de 2018
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do dia
Sábado, 21 de Julho de 2018
10:00
Receita do dia
Sexta, 20 de Julho de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)