Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

26/03/2012 12:00

Militantes do Educafro fazem greve de fome em frente ao Palácio do Planalto

Yara Aquino, Agência Brasil

Brasília - Cinco militantes do Educafro, movimento que busca a inclusão de pobres e negros na educação, estão deitados em frente ao Palácio do Planalto desde o início da manhã de hoje (26). Envolvidos em correntes, eles fazem greve de fome e reivindicam atenção para ações voltadas aos negros em políticas do governo e querem ser recebidos pelo presidente da República em exercício, Marco Maia, ou representantes no Executivo.

Na pauta de reivindicações dos manifestantes, está a garantia da presença dos negros entre os contemplados com as 100 mil bolsas do programa Ciência sem Fronteiras, que tem a meta de conceder o benefício a estudantes e pesquisadores no país e no exterior até 2015. “Consideramos o Ciência sem Fronteiras um programa elitista que está mantendo a situação de exclusão brasileira”, disse Carlos Eduardo de Oliveira, que integra o Educafro.

Outro item reivindicado é a aprovação, pelo Palácio do Planalto, de uma portaria para garantir vagas aos afrodescendentes nos concursos públicos do governo federal e a regulamentação do Estatuto da Igualdade Racial.

Representantes da Secretaria-geral da Presidência se dispuseram a receber uma comissão formada pelos manifestantes. A condição, no entanto, é que eles desocupem a calçada do Palácio do Planalto. Porém, há resistência dos integrantes em deixar o local. A intenção, segundo o integrante da Assessoria de Políticas Públicas da Educafro Reinaldo João de Oliveira, é manter a greve de fome até que o encontro ocorra. O presidente em exercício, Marco Maia, está no Planalto, e até o momento, o único compromisso previsto na agenda é um despacho interno pela manhã.

Edição: Talita Cavalcante

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)