Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

13/06/2008 13:58

Mercosul cria medidas de combate ao tráfico de órgãos

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, e os demais ministros da saúde do Mercosul assinam nesta sexta-feira (13) um instrumento para o combate ao tráfico internacional de órgãos e assistência adequada ao doador de órgãos vivo. Por meio de um acordo conjunto, os países passarão a registrar e transferir informações sobre os doadores e retirada de órgãos. O encontro também será marcado pelo intercâmbio de ações para conter surtos de febre amarela e pela discussão sobre temas como a propriedade intelectual de medicamentos.

Essa será a última reunião realizada na Argentina, pois o Brasil assume a partir do próximo semestre a presidência do bloco econômico. Os membros efetivos são: Brasil, Argentina, Venezuela, Paraguai e Uruguai, e os associados: Peru, Chile e Bolívia, Equador e Colômbia.

Na agenda dos ministros, também há a discussão sobre ações como o controle do tabaco, controle da dengue, política de medicamentos, sistemas de informação em saúde, saúde e desenvolvimento, e gestão de riscos e vulnerabilidades. Além disso, Temporão assina acordos para diminuir a mortalidade materna na região.

“Sobre a doação de órgãos, a preocupação dos ministros é que, em muitos casos, o doador vivo faz o seu valoroso gesto, mas, em seguida, é esquecido pelos sistemas de saúde. O nosso objetivo é que, por exemplo, um doador de rim seja amparado e acompanhado após a doação”, afirmou Carlos Felipe, coordenador do Mercosul do Ministerio da Saude brasileiro.

Quanto à febre amarela, o Brasil auxiliou, no inicio do ano, a Argentina e o Paraguai em ações de bloqueio da doença, com doação de vacinas e envio de corpo técnico. A partir de agora, há uma preocupação do bloco para ações que mantenham a doença longe das cidades. Atualmente, há somente registro de pessoas que se infectaram nas matas e não estavam vacinadas.

A 24ª Reunião de Ministros do Mercosul e Estados Associados será aberta às 9h, na Avenida Arenales, na Chancelaria Argentina, em Buenos Aires (Argentina). Na parte da tarde, os ministros participarão de um ato público no Obelisco de Buenos Aires, em comemoração ao Dia Mundial de Doação de Sangue.

Por: Renato Strauss/Ministério da Saúde
Enviado especial à Buenos Aires

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)