Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/12/2011 17:10

Menos da metade dos municípios paraenses votou pela divisão do estado

Roberta Lopes, Agência Brasil

Brasília – Pouco menos da metade dos municípios do Pará votou a favor da criação dos estados de Carajás e do Tapajós, no plebiscito realizado ontem (11). O resultado da consulta foi que 66,6% dos eleitores do Pará rejeitaram a divisão do estado.

Segundo levantamento feito pela Agência Brasil, com dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), das 144 cidades onde houve votação 62 manifestaram-se a favor da criação dos dois estados, o que corresponde a 43% dos municípios.

Na votação, o eleitor teve de responder sim ou não a duas perguntas. Na primeira, se era a favor da divisão do estado do Pará para a criação do estado do Tapajós; e, na segunda, se era a favor da divisão do Pará para a criação do estado de Carajás.

Em Santarém, cidade que poderia tornar-se a capital do estado do Tapajós, 98,63% dos eleitores votaram a favor da criação do estado; enquanto em Marabá, capital do que seria o estado de Carajás, 92,81% dos eleitores votaram a favor da criação da unidade da Federação.

Belém, capital do Pará, teve 93% dos eleitores contrários à criação do Tapajós e 94,87% deles disseram não à criação de Carajás.

Hoje (12), a prefeita do município de Santarém, Maria do Carmo Martins, decretou luto oficial de um dia na cidade, devido ao resultado do plebiscito. As bandeiras da cidade estão a meio mastro e várias lojas estão com tarjas pretas.

Pelos dados do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Pará, 4.848.495 eleitores estavam aptos a votar, mas houve 1.246.646 abstenções, 25,71% do total.

Edição: Lana Cristina

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)