Cassilândia, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018

Últimas Notícias

09/09/2007 16:58

Menos carro e menos compras, sugere professor

Luana Lourenço /ABr

Brasília - A discussão sobre os impactos das mudanças climáticas, em especial do aquecimento do planeta, é assunto de reuniões da agenda mundial de negociações este ano. O enfrentamento dessas alterações também pode ser trazido para o cotidiano, para o ambiente doméstico. Uma redução no uso do automóvel e no consumo está entre as sugestões do professor Paulo Artaxo para os cidadãos que querem ajudar a conter o problema.

“Não não se pode esperar que um governo, que uma organização faça o alerta, o alerta cabe a toda a população”, avalia o professor, do Instituto de Física da Universidade de São Paulo (USP). “É um problema global e tem que ser uma preocupação de todos. E toda a humanidade vai ter que alterar seus padrões de consumo."

A pedido da Agência Brasil, Artaxo, um dos representantes brasileiros no Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC, na sigla em inglês), lista cinco dicas para que a sociedade possa contribuir com a redução da emissão de gases do efeito estufa, uma das principais causas do fenômeno do aquecimento:

- utilizar menos combustível (e, portanto, usar menos o transporte individual);

- substitur a gasolina por álcool, que é um combustível mais “limpo” (menos poluente);

- investir em transporte público de qualidade, para reduzir o número de veículos particulares nas ruas (eles contribuem muito para as emissões de gases como o dióxido de carbono);

- usar menos “produtos de consumo” para que as indústrias não aumentem a demanda por insumos ("em vez de trocar de celular a cada seis meses, trocar a cada ano", exemplifica ele);

- estimular a reciclagem, porque reduz a utilização de produtos industrializados e preserva os recursos naturais.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 24 de Maio de 2018
Quarta, 23 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Terça, 22 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)