Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

29/04/2016 16:30

Menina que nasceu cega enxerga a mãe pela primeira vez após cirurgia

180 Grausq
Menina que nasceu cega enxerga a mãe pela primeira vez após cirurgia

 

Daiana Pereira presenciou um momento muito importante na vida de sua filha de 2 anos de idade, Nicolly. A menina, que nasceu cega e passou por procedimentos médicos no Brasil, enxergou a mãe pela primeira vez após uma cirurgia realizada no mês de março em Miami, nos Estados Unidos.

Seus pais notaram o problema logo nos primeiros dias de vida. "Seus olhos estavam inteiramente brancos. O oftalmologista diagnosticou um glaucoma e uma opacidade da córnea", disse a mãe em entrevista cedida à ‘BBC Brasil’.

Nicolly passou por três hospitais em Santa Catarina, onde a família morava. Em São Paulo, ela se submeteu a sete cirurgias para tentar corrigir o problema, mas sem sucesso.

A família foi orientada pelos médicos que não seria mais possível operá-la devido as cicatrizes resultantes dos procedimentos aos quais ela já tinha sido submetida. Além disso, existia o risco da menina perder os olhos caso fosse novamente para a mesa de cirurgia.

Daiana não desistiu e depois de publicar uma mensagem em um grupo no Facebook pedindo orações para a filha, ela começou a receber mensagens de pessoas que queriam ajudá-la. Uma delas morava nos Estados Unidos e passou a procurar hospitais no país que aceitassem o caso. Após quatro tentativas recusadas, uma médica de Miami aceitou tratá-la.

Campanha
A viagem para os Estados Unidos, exigiu que a família lançasse uma campanha para arrecadar os US$ 17,5 mil (R$ 61,3 mil), quantia necessária para a internação, uma vez que a médica aceitou realizar a operação sem cobrar nada.

Surdez
Em Miami, um outro médico diagnosticou que a Nicolly também era surda e em 17 de março, a menina passou por duas cirurgias para corrigir a surdez e a cegueira. Sua recuperação foi boa.

Primeira vez
Uma amiga que ajudou a família nos Estados Unidos registrou o momento em que as bandanas foram retiradas dos olhos de Nicolly. Ela ouve e vê sua mãe pela primeira vez que se emociona e não consegue conter as lágrimas.

"Todas as portas se fechavam quando o caso dela era analisado, mas a Nicolly mostra que o impossível não existe. É uma questão de acreditar e lutar por isso. Agora, um médico brasileiro será treinado para trazer a tecnologia usada no caso da minha filha para cá e, assim, ajudar outras crianças", declara Daiana.

Confira um vídeo com Nicolly vendo a mãe pela primeira vez. É emocionante!

https://www.youtube.com/watch?v=98U5rZWHiVg

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)