Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

11/05/2006 12:32

Mel será incluído na merenda das Escolas Públicas de MS

As escolas da Rede Estadual de Ensino de Mato Grosso do Sul terão que incluir o mel no cardápio da merenda escolar. A Lei Estadual nº 3.173 de 27 de dezembro de 2005, torna obrigatória a inclusão de mel no lanche escolar em toda a Rede Pública de Ensino. //Atualmente a cadeia que envolve a produção de mel ainda precisa se estruturar para atender a demanda.

A lei já está em vigor, e a única experiência no Estado é em Dourados. O engenheiro agrônomo Osvaldo Souza Carbonari, dono de um apiário, revela que o município usa o mel nas escolas e creches há quatro anos, um consumo em média de 3.600 kg/ano. Contudo não é exigido certificado de qualidade, nem análise do produto fornecido. Ele explica que o certificado é importante para filtrar o mel de baixa qualidade e barrar os falsificadores.
Nas escolas o mel é fornecido em sachê e nas creches em potes.

Como em muitos casos o mel ainda é produzido de forma artesanal, os produtores precisam se adequar, /já que o produto terá que chegar nas escolas processado. “Para que o mel seja processado é necessária uma inspeção estadual ou municipal e são pouquíssimos apicultores que têm esse registro. Assim, vamos trabalhar para conseguir que um maior número de apicultores seja legalizado”, comenta o secretário-executivo da Câmara Setorial de Apicultura do Estado, Ricardo Peruca.

A Secretaria Estadual de Educação, com ajuda de nutricionistas, auxilia as escolas na elaboração dos cardápios, mas cada escola é que compra os alimentos de acordo com a realidade e costume da região/. O Coordenador
Estadual de Programas de Apoio à Educação, Ezerral Bueno de Souza, diz que a Secretaria está estudando a viabilização e os recursos disponíveis para a implementação da Lei. “Inicialmente estamos tentando colocar o
mel uma vez na semana, colocando no pão, biscoitos, leite, ou entregando direto um sache de mel puro. Estamos vendo a aceitabilidade dos alunos”, comenta Bueno.

Umas das razões para fazer do mel um consumo regular na alimentação dos alunos é o fato de ser considerado pela Organização Mundial de Saúde como o alimento mais completo que existe para crianças, adultos e idosos, auxiliando na calcificação e crescimento dos ossos, na prevenção de anemias, na proteção do cérebro e do fígado e no desenvolvimento da inteligência.



Dourados News

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)