Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/03/2008 15:39

Medida para amenizar dívida rural deve ser anunciada

O governo vai anunciar, até o dia 25 deste mês, medidas para diminuir o endividamento rural. De acordo com o secretário adjunto de Política Econômica do Ministério da Fazenda, Gilson Bittencourt, a proposta não vai incluir aumento de prazo para o pagamento da dívida, mas descontos para que os produtores liquidem antecipadamente suas dívidas.

As medidas serão implementadas em conjunto com os Ministérios da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário.

O governo quer aproveitar o bom ano da economia para incentivar os produtores a saírem da inadimplência. O foco serão as dívidas antigas, que vêm se acumulando nas últimas décadas, e que giram em torno de R$ 40 bilhões.

Bittencourt acrescentou, ainda, que o objetivo é ajudar os inadimplentes a ajustarem as contas com uma proposta que não incentive aqueles que estão em dia a deixarem de pagar, mas que diminua as taxas do saldo devedor. Só as dívidas referentes às décadas de 1980 e 1990 somam cerca de R$ 27 bilhões.

“Essas dívidas antigas, quando forem liquidadas, não só vão deixar de ser um custo para o governo [que gasta para administrá-las], como também vão liberar garantias empenhadas pelos produtores, de modo que eles possam pegar novos créditos e produzir mais”, explica Bittencourt.

Os descontos serão maiores para quem deve menos. O secretário não quis adiantar de quanto serão os abatimentos, mas garante que serão atrativos. “Custa muito caro para o governo manter essas dívidas pequenas. Por isso, os descontos vão ser para liquidar, não vão ser ruins”, garante o secretário.

Gilson Bittencourt explicou ainda que, nos casos de dívidas com o governo, os descontos para inadimplentes serão oferecidos a partir de taxas que podem ser cortadas sem prejuízo, uma espécie de “gordura”.

Mas nos casos de dívidas com instituições financeiras privadas, o governo pode apenas sugerir que seja feito o mesmo, e não obrigá-las a adotarem as medidas.

Atualmente, o total de endividamento nas operações de crédito rural, concedidos a empresários do agronegócio e a agricultores familiares, gira em torno de R$ 87 bilhões. Mas boa parte desse valor é referente a crédito que está investido e que ainda vai vencer.

Autor: Agronotícias

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)