Cassilândia, Quinta-feira, 19 de Outubro de 2017

Últimas Notícias

17/03/2008 15:39

Medida para amenizar dívida rural deve ser anunciada

O governo vai anunciar, até o dia 25 deste mês, medidas para diminuir o endividamento rural. De acordo com o secretário adjunto de Política Econômica do Ministério da Fazenda, Gilson Bittencourt, a proposta não vai incluir aumento de prazo para o pagamento da dívida, mas descontos para que os produtores liquidem antecipadamente suas dívidas.

As medidas serão implementadas em conjunto com os Ministérios da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário.

O governo quer aproveitar o bom ano da economia para incentivar os produtores a saírem da inadimplência. O foco serão as dívidas antigas, que vêm se acumulando nas últimas décadas, e que giram em torno de R$ 40 bilhões.

Bittencourt acrescentou, ainda, que o objetivo é ajudar os inadimplentes a ajustarem as contas com uma proposta que não incentive aqueles que estão em dia a deixarem de pagar, mas que diminua as taxas do saldo devedor. Só as dívidas referentes às décadas de 1980 e 1990 somam cerca de R$ 27 bilhões.

“Essas dívidas antigas, quando forem liquidadas, não só vão deixar de ser um custo para o governo [que gasta para administrá-las], como também vão liberar garantias empenhadas pelos produtores, de modo que eles possam pegar novos créditos e produzir mais”, explica Bittencourt.

Os descontos serão maiores para quem deve menos. O secretário não quis adiantar de quanto serão os abatimentos, mas garante que serão atrativos. “Custa muito caro para o governo manter essas dívidas pequenas. Por isso, os descontos vão ser para liquidar, não vão ser ruins”, garante o secretário.

Gilson Bittencourt explicou ainda que, nos casos de dívidas com o governo, os descontos para inadimplentes serão oferecidos a partir de taxas que podem ser cortadas sem prejuízo, uma espécie de “gordura”.

Mas nos casos de dívidas com instituições financeiras privadas, o governo pode apenas sugerir que seja feito o mesmo, e não obrigá-las a adotarem as medidas.

Atualmente, o total de endividamento nas operações de crédito rural, concedidos a empresários do agronegócio e a agricultores familiares, gira em torno de R$ 87 bilhões. Mas boa parte desse valor é referente a crédito que está investido e que ainda vai vencer.

Autor: Agronotícias

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 19 de Outubro de 2017
Quarta, 18 de Outubro de 2017
10:40
Goiás, Distrito Federal e São Paulo
10:00
Receita do dia
Terça, 17 de Outubro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)