Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/11/2010 06:26

Médicos têm dificuldades de diagnosticar sintomas depressivos

Agência Notisa

AGÊNCIA NOTISA - A depressão é um tema importante da psiquiatria e que vem sendo constantemente estudado. Conforme disse Luisa de Marillac Niro Terroni, médica psiquiatria do Grupo de Interconsulta do Departamento e Instituto de Psiquiatria da USP, no último dia do 28º Congresso Brasileiro de Psiquiatria, ocorrido semana passada na cidade de Fortaleza, a depressão é uma doença que pode estar associada a várias outras e que não está recebendo a devida atenção de psiquiatras e clínicos.

Para Renério Fraguas, professor do Departamento de Psiquiatria da USP, um dos grandes problemas relacionados à depressão é que não existe um padrão no diagnóstico. \"O que um médico chama de depressão, um outro chama de outra coisa. É preciso haver critérios operacionais para uma confiabilidade do diagnóstico\", disse.
Ele lembrou que a doença possui sintomas como insônia, ganho de peso, lentificação do pensamento, pensamentos de morte decorrentes e sentimento de esgotamento.

Entre as doenças relacionadas à depressão, Luisa falou do acidente vascular cerebral (AVC). Segundo ela, o AVC é o maior responsável por depressão dentre todas as doenças que causam incapacidades. \"A incidência acontece freqüentemente a partir do terceiro mês da ocorrência do AVC. Porém, a detecção da depressão pelos provedores
de saúde é baixa e poucos pacientes recebem tratamento adequado\", lamentou.

De acordo com a médica, pacientes que desenvolvem depressão depois de um AVC têm recuperação mais lenta. Além disso, a depressão está relacionada a prejuízo cognitivo e a um maior número de mortes nesses indivíduos.

Luisa disse que o diagnóstico da depressão pode ser dificultado porque ela possui sintomas que aparecem em muitas outras doenças, como ficar triste, por exemplo.

Para Saulo Albuquerque, professor de psiquiatria da Universidade de Fortaleza, para que o tratamento da depressão tenha sucesso, independente de sua causa, é preciso entender o impacto da doença no psiquismo da pessoa, além de conhecer a construção da sua personalidade.

Os especialistas concordam que o tratamento em grupo é uma excelente escolha na depressão. \"O tratamento em grupo tem se mostrado eficiente também na prevenção da doença. Porém, está sendo subutilizado e pouco estudado\", alertou Renério.

O repórter da Agência Notisa viajou a convite da Associação Brasileira de Psiquiatria.

Agência Notisa (science journalism - jornalismo científico

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)