Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

27/02/2015 19:40

Médicos são exonerados por envolvimento na ‘farra dos atestados’

Midiamax

O secretário de saúde de Campo Grande, Jamal Salem, afirmou que dois médicos foram exonerados após a comprovação de apresentação de atestado sem estar doente durante as comemorações de fim de ano, em 2014.

De acordo com Salem, além dos médicos que foram exonerados, outros servidores foram punidos administrativamente e a sindicância ainda está apurando irregularidades nas apresentações de atestados a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública).
“Eu não vou citar nomes, mas dois médicos foram exonerados por apresentarem atestados e viajarem no fim do ano”, declarou Salem.

O secretario disse ainda que todos os servidores da Sesau que apresentam atestado passam por uma equipe de médico do trabalho para validar a necessidade do servidor se afastar do serviço. “Com essa equipe caiu em 70% a apresentação de atestado”, concluiu.

Farra dos atestados

Os falsos atestados médicos foram descobertos no dia 13 de janeiro, quando o chefe da Sesau relatou que em dezembro de 2014, dos 820 atestados emitidos, pelo menos metade era falso, incluindo nestes casos médicos e enfermeiros. Na época o secretário de saúde, Jamal Salem, afirmou que os servidores foram identificados ao postarem fotos em redes sociais na praia, enquanto estavam acautelados pelos atestados médicos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)