Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/04/2011 12:07

Médicos param nesta 5ª feira para pressionar planos de saúde

Campo Grande News/ Aline dos Santos

Médicos de Mato Grosso do Sul fazem paralisação nesta quinta-feira para pressionar os planos de saúde. A iniciativa, denominada “Os médicos vão parar para o atendimento dos planos de saúde melhorar”, faz parte de uma mobilização nacional.

A categoria realiza entrevista coletiva no CRM/MS (Conselho Regional de Medicina) e, em seguida, fará mobilização na praça do Rádio Clube, em Campo Grande.

Durante todo o dia, não serão realizadas consultas e procedimentos eletivos, ou seja, marcados. Os pacientes serão reagendados. Apenas os casos de urgência e emergência serão atendidos.

Os profissionais da saúde reclamam do baixo valor pago por consultas e outros procedimentos. A interferência das operadoras no trabalho médico tem resultado no descredenciamento crescente de médicos dos planos.

A categoria exige a definição de regras que assegurem o reajuste dos honorários de forma progressiva. Nos consultórios, os médicos atendem, em média, pacientes conveniados a oito planos ou seguros saúde diferentes.

No Brasil, os planos e seguros de saúde são responsáveis pelo atendimento a 45,5 milhões de pessoas. O número de médicos que atendem pelos planos é de, aproximadamente, 160 mil, sendo que eles realizam anualmente cerca de 223 milhões de consultas e respondem por 4,8 milhões de internações.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)