Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/04/2013 14:25

Médicos formados com ajuda do Fies poderão abater dívida em 1% ao mês

G1

Quem se formou em medicina com o auxílio do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), e trabalha por pelo menos um ano ininterrupto como médico em áreas e regiões com carência profissional definidas como prioritárias pelo Ministério da Saúde, poderá abater 1% do saldo devedor do fundo, incluindo os juros no período.

A regulamentação foi publicada em portaria do Ministério da Educação na edição desta segunda-feira (29) do “Diário Oficial da União”.

A regra já valia para quem trabalha há pelo menos um ano como professor da rede pública de educação básica ou esteja matriculado em algum curso de graduação em licenciatura.

Para obter o benefício, o médico em exercício efetivo da função deve integrar uma equipe de saúde da família, cumprindo jornada de trabalho de 40 horas semanais; ou equipe que realiza atenção básica em populações quilombolas, indígenas, assentamentos (40 horas semanais), ou populações ribeirinhas (32 horas semanais).

A contagem de um ano de trabalho ininterrupto para professor ou médico começa a valer a partir de 15 de janeiro de 2010, para os contratos formalizados antes desta data; ou a partir da contratação do financiamento, para os contratos formalizados após 14 de janeiro de 2010.

Sobre o Fies
O Fies é um programa do Ministério da Educação destinado a financiar a graduação na educação superior de estudantes matriculados em instituições não gratuitas. Podem recorrer ao financiamento os estudantes matriculados em cursos superiores que tenham avaliação positiva nos processos conduzidos pelo Ministério da Educação.

Em 2010 o Fies passou a funcionar em um novo formato. O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) passou a ser o Agente Operador do Programa e os juros caíram para 3,4% ao ano. Além disso, passou a ser permitido ao estudante solicitar o financiamento em qualquer período do ano.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)