Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

23/03/2007 15:23

Médico preso confessa participação na morte de colega

Humberto Marques - Campo Grande News

O médico Miguel Angel Carbalhar Arévalo confessou nesta sexta-feira (23 de março) ter contratado um pistoleiro para assassinar o também médico Ademir Aparecido Pimenta dos Reis. A declaração foi feita aos delegados Rinaldo Gomes Moreira e Marlúcia Sassaki, em Nova Andradina. Reis foi morto quando seguia de Taquarussu para Nova Andradina, pela MS-473. Seu carro – um Citroën C3, placas LBN-6176 – foi emboscado próximo ao córrego do Baile, que divide os dois municípios.

Arévalo, conforme relato do delegado Moreira, confessou que o crime foi motivado por questões passionais e por interesse médico em Taquarussu. O médico informou ter contratado o pistoleiro Valdir Roque, segurança do Hospital Municipal de Novo Horizonte do Sul, indicando ao matador local e data para efetuar o assassinato.

Ele informou, ainda, que não havia orientação para que a psicóloga Sueli Lopes Pinheiro e a enfermeira Amanda Barthi fossem mortas. Porém, o pistoleiro atirou contra as duas porque elas teriam se assustado. No seu depoimento, Arévalo confessou que tinha interesse no cargo médico exercido por Reis em Taquarussu.

A emboscada que resultou na morte de Reis ocorreu no fim da tarde da última quarta-feira (21). Miguel Arévalo e Valdir Roque devem ficar recolhidos na Cadeia Pública de Nova Andradina, à disposição da Justiça. Amanda Bharti e Sueli Pinheiro foram internadas no Hospital Evangélico, de Dourados, mas não correm risco de morte. (Com informações do repórter Marcos Donzeli, da rádio Excelsior FM de Nova Andradina)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)