Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

20/07/2004 06:53

MEC investiga projetos aprovados

Marina Domingos/ABr

Para evitar problemas com irregularidades e má utilização de recursos, a Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação (Setec/MEC) está realizando uma rigorosa análise dos projetos aprovados pelo Programa de Expansão da Educação Profissional (Proep) até o início do governo Lula.

O Proep é um programa desenvolvido pela Setec e financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para ajudar na construção, compra de equipamentos e modernização de escolas de ensino profissionalizante em todo país. “Na realidade, estamos fazendo um pente-fino de todos os projetos que estão em execução”, disse o diretor-executivo do Proep, Aldo Arantes. Atualmente 237 projetos estão em execução e outras 110 escolas já foram inauguradas.

Segundo Arantes, todas as assinaturas de novos convênios tiveram que ser suspensas assim que o governo mudou, porque havia um número maior de projetos para a quantidade de recursos disponíveis. Mais de 100 projetos aprovados pelo governo anterior necessitariam de R$ 260 milhões, mas havia cerca de R$ 60 milhões em caixa. “Nós cancelamos esses convênios. Era absolutamente irreal e sem razão”, explica.

Com a suspensão, o MEC teve que definir novos critérios para liberar os recursos, priorizando a redução dos custos, controle da sociedade nas prestação de contas e a localização em áreas onde ainda não existem escolas profissionalizantes. “Nós queremos exatamente reduzir os custos desses projetos, queremos localizá-los melhor do ponto de vista regional”, explicou Aldo Arantes.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)