Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

05/11/2007 18:36

MEC fiscalizará 60 cursos de direito na próxima semana

Mariana Jungmann /ABr

Brasília - Na próxima semana começarão a ser fiscalizados os cursos de direito que tiveram conceito insatisfatório no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade). O Ministério da Educação listou 83 instituições que receberam 1 ou 2 como nota na prova em que o conceito máximo é 5.

Os fiscais visitarão 60 dessas instituições, que não apresentaram resposta sobre o baixo desempenho dos alunos na prova ou tiveram as justificativas consideradas "não-convincentes" pelo ministério.

“As comissões que visitarão esses cursos poderão concluir que, de fato, a instituição tem razão. Mas, para isso, os elementos constantes hoje no processo não são suficientes. Daí a necessidade da visita”, explicou o ministro Fernando Haddad, em entrevista coletiva.

Neste ano, 30 instituições serão visitadas e outras 30, em 2008. Os fiscais avaliarão vários aspectos do curso, como qualidade das instalações e laboratórios, número de alunos por sala, grade curricular e quantidade de professores, mestres e doutores.


O objetivo inicial será sugerir melhorias para os curso, mas em último caso as instituições podem ser proibidas de efetuarem novas matrículas.

Os outros 23 cursos não serão visitados agora porque apresentaram um diagnóstico de seus problemas e propostas de melhora. Nestes casos, o ministério vai esperar os resultados da implementação dessas propostas.

O ministro explicou ainda que o MEC mudou a forma de agir com relação aos cursos superiores: antes, o poder público considerava suficiente apenas divulgar o nome e as notas das universidades na prova e deixar que os estudantes escolhessem seus cursos; agora, o ministério está assumindo o papel regulador.


“Nós entendemos que avaliar é importante, mas cabe ao poder público regular o sistema. Ou seja, garantir o direito do estudante a um bom curso, sobretudo nas instituições que não são gratuitas”, afirmou Haddad.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)