Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

22/11/2013 16:52

MDS cancelou Bolsa Família de vereadora após pente-fino em políticos

Campo Grande News

A vereadora de Paranhos, Maristela de Jesus Vernal Gregol (PROS), que mesmo com salário mensal de R$ 5,1 mil recebeu duas parcelas de R$ 134 do Bolsa Família, teve o benefício cancelado em março pelo Ministério do Desenvolvimento Social. Ela perdeu o benefício após um pente-fino do órgão para suspender o direito de quem tinha sido eleito em outubro do ano passado.

O MDS acompanha políticos que, antes de serem eleitos, recebiam o benefício, para, então, suspendê-lo devido ao aumento da renda. Após cada eleição, a pasta confronta os dados do programa com os do TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Esta averiguação foi feita em 2013 – ano seguinte às eleições de 2012 - garante o Ministério, e teve início em abril. Os casos confirmados tiveram o bloqueio das parcelas de pagamento do Bolsa Família em maio. Em setembro foi realizado o cancelamento definitivo dos casos confirmados da posse em cargo eletivo.

Reembolso aos cofres públicos – Ainda conforme o Ministério, a vereadora pode ter que ressarcir os cofres públicos caso tenha fornecido alguma informação falsa para conseguir se cadastrar no programa, já que, mesmo antes de ser eleita vereadora, já levava um alto padrão de vida.

O MDS está a par da irregularidade detectada e vai analisar se há dados inverídicos no cadastro ou na atualização cadastral da vereadora, antes de aplicar qualquer sanção. O benefício não precisará ser interrompido ou suspenso, já que o depósito do Bolsa Família para Maristela aconteceu nos meses de janeiro e fevereiro e, hoje, ela não recebe mais.

Em todo o Brasil, 2.168 pessoas que eram beneficiárias do Bolsa Famílias e se elegeram para cargo político tiveram o benefício suspenso em 2013, conforme o MDS.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)