Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

01/11/2013 19:23

Mato Grosso do Sul recebe 3 aparelhos de radioterapia do Ministério da Saúde

Bruno Chaves, Campo Grande News

Mato Grosso do Sul receberá três aparelhos de radioterapia para o tratamento de câncer de pacientes. A medida do Ministério da Saúde faz parte do processo de ampliação da oferta de serviços de radioterapia no país. No Estado, a perspectiva é de que o número de sessões de radioterapia suba de 105,5 mil para 234,5 mil/ano.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, divulgou nesta sexta-feira (1º), a compra de 80 aceleradores lineares para todo o País. Eles serão distribuídos para atender a população de 63 municípios, de 22 estados e no Distrito Federal.

Em Mato Grosso do Sul, as cidades de Campo Grande e Dourados receberão os aceleradores. Com a instalação dos aparelhos, o número de sessões de radioterapia deve subir de 105,5 mil para 234,5 mil/ano.

Na Capital, os aceleradores serão instalados no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, onde será criado um novo serviço, e no Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian, da UFMS. Em Dourados, o aparelho será encaminhado para o Hospital Evangélico Dr. Goldby King, para ampliação dos serviços já existentes.

O edital do Ministério da Saúde ainda prevê a instalação de uma fábrica no país, que produzirá equipamentos para abastecer o mercado nacional. “Já que estamos fazendo a maior compra de equipamentos de radioterapia que o mundo inteiro está vendo, exigimos que quem ganhasse o pregão construísse uma fábrica de aceleradores linear no Brasil”, disse Padilha.

“Queremos a transferência da tecnologia deste equipamento para pesquisadores brasileiros, para jovens brasileiros, para gerar emprego aqui neste país e informação tecnológica para nossos pesquisadores”, emendou.

De acordo com informações da assessoria de imprensa do ministério, além de ampliar a assistência, o edital do Ministério da Saúde alcançou a economia de R$ 176 milhões na compra dos equipamentos. O valor final ficou em R$ 119,9 milhões.

A empresa vencedora do pregão foi a norte-americana Varian Medical Systems, que atua em radioterapia há 65 anos, sendo fabricante mundial de dispositivos médicos, e de software de tratamento de câncer.

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)