Cassilândia, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018

Últimas Notícias

12/10/2013 10:06

Mato Grosso do Sul é a maior 'filial' do PCC no país

Correio do Estado

O Ministério Público Estadual (MPE) de São Paulo divulgou censo com organograma da maior facção criminosa do país, o PCC, e denuncia que Mato Grosso do Sul e Paraná são os estados que, além de SP, têm maior massa carcerária filiada ao grupo. As informações estão publicadas na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Conforme a reportagem de Michelle Rossi, em Mato Grosso do Sul, o Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco), subordinado ao MPE/MS, efetuou levantamento e anunciou o organograma da facção no Estado, no primeiro semestre deste ano. Os dados são compatíveis aos agora divulgados pelo MPE/SP ao indicar que nos presídios da Capital e interior está concentrada uma das maiores massas de adeptos à facção fora de São Paulo.

Para barrar a atuação do partido, o Gaeco/MS promoveu a transferência de lideranças para o Presídio Federal e assim isolou os gerentes. Outro golpe inédito e promovido pelo Gaeco local foi o bloqueio de mais de 3 mil linhas telefônicas identificadas durante o mapeamento da facção.

Por decisão judicial, as linhas foram tiradas de funcionamento, principalmente aquelas que funcionavam nas mãos dos detentos do maior estabelecimento penal de MS, o Presídio de Segurança Máxima, no Jardim Noroeste.

No entanto, a ação foi de curto prazo pois não foram adotadas medidas por parte do governo do Estado, que comanda a Máxima e demais presídios (com exceção do Presídio Federal, obviamente), para barrar a entrada de celulares que são muitas vezes lançados pelos muros do local ou ainda enviados com o ingresso de visitantes nos presídios. Um bloqueador, no entanto, está prestes a entrar em funcionamento segundo promessa das autoridades de segurança locais. (Com informações do Jornal O Estado de São Paulo)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 23 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)