Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

16/05/2005 07:33

Mato-grossense faz a melhor volta, mas Cacá vence

Tiago Mendonça
Carsten Horst/DivulgaçãoCarsten Horst/Divulgação

A vitória na segunda etapa da temporada da Stock Car, disputada neste domingo (15), em Curitiba (PR), ficou com Cacá Bueno, depois de uma bela ultrapassagem sobre o atual campeão da categoria, Giuliano Losacco. Mas o piloto mais rápido da prova não era nenhum dos dois. Os tempos registrados por Cacá Bueno eram constantemente superados pelo mato-grossense Reck Jr. (Case), que saiu da 32a posição, sofreu sérios danos no carro, foi penalizado e mesmo assim conseguiu ficar com a melhor volta da prova, imprimindo um ritmo sempre melhor que o dos adversários. Esta é apenas a segunda corrida de Reck Jr. na categoria, depois de ficar com o vice-campeonato na Stock Car Light, em 2004.

O bom desempenho animou Reck Jr., depois das dificuldades enfrentadas ao longo do fim de semana. Ele praticamente não treinou por causa de um problema no câmbio e vem sentindo várias dores na costela desde a corrida de Interlagos (SP), a primeira do ano. Durante a prova, as coisas também não foram nada fáceis. Reck Jr. largou no final do grid e foi atingido por diversos adversários, perdendo peças como o difusor, o pára-choque traseiro e asa dianteira, além de um pneu furado que o obrigou a parar nos boxes logo nas primeiras voltas. Na seqüência, ainda cumpriu uma penalização por excesso de velocidade no pit lane.

"Com tantos problemas, ainda fomos os mais rápidos. Se tivéssemos uma posição de largada um pouco melhor, daria para brigar pela vitória, sem dúvida", disse o piloto, feliz com o próprio desempenho no início de sua trajetória na categoria. A equipe MT Racing também é estreante e vibrou por andar na mesma velocidade dos primeiros colocados. Com uma volta de desvantagem em relação aos adversários, o trabalho de Reck Jr. foi fazer uma corrida de recuperação, ganhando as posições de quem estava na sua volta. "Foi bem difícil, porque o carro estava completamente danificado e eu fazia um esforço muito grande para manter o rendimento", contou.

Reck Jr. ainda ficou sem água durante a corrida. A mangueira que ele carrega no capacete para se hidratar escapou logo na largada. Para piorar a situação, a temperatura ambiente superou os 25o C em Curitiba, com muito sol. "O importante é saber que temos um carro bem acertado e se conseguirmos nos livrar dos problemas que nos atrapalharam até agora será um grande ano de estréia", analisa Reck Jr. A próxima etapa da Stock Car será disputada dia 19 de junho, no Rio de Janeiro (RJ). Mais de 35 mil pessoas foram ao autódromo de Curitiba (PR). É o segundo maior público da história da Stock Car, perdendo apenas para a corrida de 1981, em Interlagos, que teve 37 mil espectadores.

Confira o resultado da prova de Curitiba:
1) Cacá Bueno (C, RJ), 29 voltas, tempo 42:18.693, média de 151.95 km/h
2) Antonio Jorge Neto (C, SP), a 4.017
3) Valdeno Brito (M, PB), a 5.393
4) Giuliano Losacco (C, SP), a 7.293
5) Rodrigo Sperafico (C, PR), a 8.044
6) Ricardo Mauricio (C, SP), a 10.164
7) Popó Bueno (C, RJ), a 10.743
8) Nonô Figueiredo (C, SP), a 11.216
9) Duda Pamplona (M, RJ), a 11.898
10) Christian Fittipaldi (M, SP), a 14.546
21) Reck Jr. (C, MT), a 1 volta

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)