Cassilândia, Quarta-feira, 26 de Junho de 2019

Últimas Notícias

03/06/2019 07:40

Maternidades são obrigadas a dar curso de primeiros socorros em MS

Correio do Estado

Hospitais e maternidades do Estado de Mato Grosso do Sul são obrigados a oferecer aos pais e responsáveis de recém-nascidos orientações e treinamento para primeiros socorros em caso de engasgamento, aspiração de corpo estranho e prevenção de morte súbita. A lei foi publicada e sancionada pelo governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB).

Os procedimentos de orientações e capacitação para primeiros socorros deverão ser realizados antes da alta do recém-nascido. Os pais poderão optar em participar ou não dos procedimentos instrutivos.

Ainda de acordo com a norma, o treinamento deverá ser oferecido de forma individual ou coletiva, mas sempre de maneira presencial.

Na justificativa da proposta, a matéria visa prevenir tragédias com uma ação simples. A proposição foi apresentada pelo deputado estadual Márcio Fernandes (MDB). “Temos o dever de legislar em favor da população, e pela preservação da vida, e verificando, ainda, que medidas simples podem fazer a diferença em momentos de aflição”, justificou.

PRERROGATIVAS

Alguns deputados têm sido indagados sobre matérias sem muita relevância para a sociedade e têm sido cobrados a legislar sobre assuntos “mais importantes”. Porém, em contrapartida, parlamentares reclamam que as prerrogativas do Legislativo estadual são restritas. Parlamentares declararam que já tentaram ajudar a população com “questões consideradas mais importantes”, como o caso da energia elétrica, mas que foram barradas na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) por falta de constitucionalidade, considerando que quando a proposta interfere nos cofres públicos, no que diz respeito a arrecadação de recursos, a Casa de Leis fica impedida de mudar a legislação.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 26 de Junho de 2019
09:00
Santo do Dia
Terça, 25 de Junho de 2019
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)