Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/06/2011 19:46

Marielly é sepultada em Alto Taquari no MT; prefeito decreta ponto facultativo

Ana Paula Carvalho, Campo Grande News
Cemitério ficou lotado de pessoas que queriam dar adeus a estudante. (Foto: Samara Follman)Foto: Samara FollmanCemitério ficou lotado de pessoas que queriam dar adeus a estudante. (Foto: Samara Follman)Foto: Samara Follman

Por volta das 15h30 desta sexta-feira (17), o corpo da estudante Marielly Barbosa Rodrigues, 19 anos, foi sepultado em Alto Taquari, no Mato Grosso, cidade onde mora o pai da jovem. O velório e o sepultamento foram marcados por muita comoção.

Segundo a TV Alto Taquari, mais de 100 pessoas passaram pela capela mortuária daquela cidade para dar adeus a estudante encontrada morta no último sábado (11), em um canavial próximo a Fazenda Passa Tempo, em Sidrolândia.

Após ser encontrado no canavial, o corpo foi encaminhado ao IMOL (Instituto Médico Legal), onde passou por vários exames, entre eles, o reconhecimento através das impressões digitais. Só houve a liberação para o sepultamento na noite de ontem, o corpo foi encaminhado direto para Alto Taquari.

Marielly chegou à cidade por volta das 08h30, foi velada até as 14h, quando foi levada para a igreja matriz, onde aconteceu uma missa de corpo presente e depois foi sepultada no cemitério municipal. O caixão permaneceu o tempo todo lacrado.

Na escola onde a jovem estudou quando era criança não houve a aula, e o prefeito da cidade decretou ponto facultativo.


Desparecimento- Marielly Barbosa Rodrigues, 19 anos, estudante de Ciências Contábeis, saiu de casa, no Jardim Petrópolis, no dia 21 de maio dizendo que iria “resolver umas coisas” e que depois iria à casa de uma amiga e do namorado. Ela não foi mais vista. A família da jovem fez várias manifestações com a esperança de encontrá-la viva.

No último sábado (11), um corpo foi encontrado em um canavial próximo a Fazenda Passa Tempo, em Sidrolândia, município distante 71 quilómetros de Campo Grande. A princípio houve a suspeita de que o corpo pudesse ser ou de Marielly, ou de Luana Rita Stamborovski, 17 anos, que estava desaparecida desde o dia 20 de março, em Maracaju. Mas a segunda opção foi descartada, quando a adolescente fez contato com a família.

Na quarta-feira (15), foi confirmado que o corpo era mesmo da estudante. No mesmo dia a família viajou para Alto Taquari. Na próxima terça-feira (21), será apresentado o laudo do exame necroscópico com a causa da morte. Um exame de sangue feito pela jovem no dia 28 de fevereiro e entregue a polícia pela mãe dela, confirma que ela estava grávida. Porém, não havia feto no corpo quando foi encontrado no canavial.

Agora a Polícia trabalha na investigação para descobrir quem é o possível autor

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)