Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

20/06/2014 07:00

Marido diz que professora envolvida em polêmica teve Facebook invadido

Correio do Estado

O marido da professora Adriana Freitas de Carvalho, do curso de Sistema da Informação da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), negou que ela seja a autora de um comentário polemico, postado em sua página no Facebook, na última terça-feira (17).

Em contato com o Edição de Notícias, por telefone, o marido informou que a professora teve sua página invadida por alguém que escreveu: “Brasileiro é uma raça relapsa, preguiçosa, que aceita qualquer desculpa para não trabalhar. O jogo em Coxim é as 16h, horário local, mas 11h vagabundo fecha as portas e não trabalha mais. Merecem morrer, pobre e remelentos, gente podre”.

Segundo o marido, que pediu para preservar sua identidade, o invasor teria feito uma cópia da mensagem e enviado para várias pessoas através do WhatsApp e Facebook. Em seguida o autor apagou, ainda de acordo com a versão do marido.

O fato é que a mensagem repercutiu nas redes sociais, causando a revolta da população coxinense. Agora, a família teme pela integridade da professora, que está abalada com o ocorrido. O marido disse que a senha usada pela professora era fácil, do tipo 1234, facilitando a invasão em sua página.

Conforme o marido, eles estudam uma forma de descobrir quem é o autor da mensagem. “Não temos nada contra o povo coxinense, pelo contrário, optamos em continuar morando em Coxim quando tivemos chance de ir embora”, finalizou o marido.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)