Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/08/2006 14:09

Mapa terá de fazer novo exame na região que houve aftosa

Marina Miranda / Campo Grande News

O Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) terá de fazer novos exames na região onde ocorreu o foco de febre aftosa. A segunda bateria de testes apresentou animais reagentes, contudo, não se pode afirmar que há novo foco na região, segundo ressaltou Nilton Antônio de Morais, coordenador do Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa do ministério.
De acordo com ele, foi feita investigação sorológica para verificar se as fontes de infecção foram eliminadas, contudo o resultado não foi satisfatório. Os animas reagentes podem ter sido afetados pela vacina, por exemplo – essa dúvida deve ser tirada com os novos exames.

Esta tarde, os técnicos do Mapa devem anunciar os detalhes sobre os dados coletados. A primeira sorologia foi feita entre março e maio deste ano – 175 animais foram reagentes. O procedimento se repetiu nos meses de junho e julho em 2.489 cabeças – não foram divulgados os detalhes. Em princípio, o pró-bang, exame feito com material coletado da faringe do animal, está descartado. Ele é comumente utilizado quando há aspectos clínicos visíveis, o que não foi detectado.
Uma minuta com o resumo dos dois dias de trabalho foi enviada ao Mapa e depois de avaliada, será divulgada à imprensa. A reunião está marcada para às 15h, na SFA (Superintendência Federal de Agricultura).

Nilton adiantou que não há possibilidade de aumentar a área de interdição, Eldorado, Mundo Novo e Japorã, contudo não informou quando ela será liberada por completo. A região será monitorada. A última ocorrência de foco considerada pelo Mapa foi em abril deste ano.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)