Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

27/05/2008 08:09

Mantega defende novo imposto para financiar a saúde

Vinicius Konchinski /ABr

Brasília - O ministro da Fazenda, Guido Mantega, defendeu hoje (26) a criação de um novo tributo para custear um possível aumento no orçamento da saúde, caso a regulamentação da Emenda 29 seja mesmo aprovada pelo Congresso. Ele afirmou ser favorável à destinação de mais recursos para a área, mas disse que os parlamentares, responsáveis pela regulamentação da emenda e também pela extinção da Contribuição Provisória sobre Movimentações Financeiras (CPMF), terão de achar uma solução para o assunto.

“Me parece uma temeridade a criação de mais uma despesa sem a criação de uma nova fonte de recursos, principalmente quando existe uma preocupação tão grande com o controle das contas públicas”, afirmou o ministro.

De acordo com Mantega, o orçamento da saúde para 2008 é de R$ 45 bilhões. Caso a Emenda 29 seja regulamentada sem modificações, esse valor saltaria para R$ 68 bilhões até o ano de 2010 - R$ 23 bilhões a mais em quatro anos.

O ministro participou hoje de um evento organizado pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) para que fossem apresentadas a empresários indicadores da economia nacional e a proposta de criação do chamado Fundo Soberano.

Durante o evento, o presidente da entidade, Paulo Skaf, afirmou que é inaceitável a criação de um novo imposto no Brasil, cuja carga tributária é uma das mais altas do mundo e a arrecadação só cresce.

“Se tivermos que aumentar R$ 5 bilhões, R$ 6 bilhões ou R$ 7 bilhões no orçamento da saúde por ano, que isso saia do orçamento”, disse. “O governo federal arrecada R$ 600 bilhões por ano e tem que trabalhar com esse valor.”


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)