Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

27/07/2009 07:33

Manoel Afonso: Partidos & Picaretas

Manoel Afonso*

Quem não se lembra? Em 1993, no Governo de Itamar, Lula disse que no Congresso havia 300 picaretas. Foi um “auê, inspirando até a música do “Paralamas do Sucesso”. Lula pecou na quantidade e ao confinar no congresso o reduto dos meliantes. Deveria ter generalizado, alcançando assembléias, câmaras e partidos (inclusive o seu).
Claro! Tudo começa com a ficha de filiação ao partido, levada geralmente ao convidado pelo dirigente – sedento de gente nova para engordar sua agremiação. Quase sempre, não é considerada essencial a idoneidade moral e muito menos é feita uma investigação pessoal. Filiações de afogadilho, sem critérios, acabam revelando monstros ao longo dos anos.
O dirigente partidário não obedece ao que diz o estatuto de sua agremiação: às vezes nem se deu ao trabalho de uma leitura e interpretação responsável. O novo filiado assina a ficha em branco, que é preenchida depois e abonada em seguida. O que vale é a quantidade de filiados para o partido se viabilizar na cidade.
Lembrando: na semana passada foi preso mais uma vez pela Polícia Federal - Nilton Cesar, o ex-candidato à prefeito de Campo Grande. Aliás, ele foi candidato em vários localidades, chegando a exercer o mandato de deputado no Paraná. Aí eu pergunto: como é que esse cidadão conseguiu espaço nos partidos políticos e viabilizou sua candidatura? Ora! Graças à fragilidade partidária e a legislação eleitoral inconsistente.
Portanto, os dirigentes são coniventes com a pratica de se usar partido e mandato como muralha de proteção através do foro privilegiado. Com um mandato na mão é quase impossível cercar esse tipo de bandido. Pasmem! Um em cada cinco dos novos deputados federais, eleitos em 2006, está sendo processado. Quase 20% do contingente que assumiu o poder. Isso sem contar as 440 ações diversas (seqüestro, estelionato, homicídio, peculato, etc.) que tramitam no STF contra 143 parlamentares.
Temos memória curta, mas nem tanto: o deputado federal Jabes Rabelo (Rondônia) chefiava uma quadrilha especializada em cocaína e seu irmão foi preso com um caminhão carregado com a droga. O deputado Paschoal “Motoserra” matou várias pessoas e sua cassação foi demorada. Jader Barbalho aprontou e está aí de volta. O mesmo ocorre com o deputado petista João Paulo, que se reelegeu após ter renunciado para escapar da cassação. E existem outros tantos que citá-los tornaria o tópico enfadonho.
Mas no arremate do texto, ficam reiteradas as críticas e alertas aos dirigentes que sonham em fortalecer seus partidos. Prezem mais a qualidade do que a quantidade. Sejam criteriosos no convite de filiação. Não se deixem enganar pelas aparências. Vasculhem o passado do convidado, sob pena de dar guarida e “status” para um picareta ou, quem sabe, um bandido de marca maior. O Brasil não merece tanta sacanagem.

Manoel Afonso , comentarista da TV Record






* O Cassilândianews não se responsabiliza por artigos e opiniões com autoria.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)