Cassilândia, Segunda-feira, 27 de Março de 2017

Últimas Notícias

31/12/2008 06:10

Manoel Afonso: Novos prefeitos e velhos vícios

Manoel Afonso

Ingenuidade ou demagogia? Boa pergunta! Eu digo que é misto de ambas. O tempo passa, mudamos de século inclusive e os novos prefeitos deste imenso Brasil até parecem veteranos pelas suas declarações e atitudes.
As notícias mostram que esse pessoal que está estreando nas prefeituras convive com grandes chances de repetir o comportamento incoerente tão criticado nas praças públicas. Aqui mesmo no Estado alguns exemplos já são conhecidos.
A nova prefeita de Coxim ignora a lei e a ética arrumando uma cadeira especial para acomodar o irmãozinho querido nas tetas da “viúva”. Em Ladário, quem deve se sair bem é a primeira dama, graças a caneta generosa de seu marido prefeito.
Mas não fica aí: em muitos municípios já são criticadas as nomeações de pessoas tecnicamente incompetente, premiadas pelo companheirismo durante a campanha eleitoral. Quem não conhece a figura famosa do “Aspone” nas prefeituras e câmaras? E o que falar do nível de muitos ocupantes dos cargos de confiança? É de rir ou de chorar.
Impressiona a falta de memória destes novos governantes. Até se parecem com Fernando Henrique Cardoso quando lhe cobraram uma administração coererente com as idéias demonstradas em seus livros. E tem outro aspecto ignorado pela grande maioria dos novos prefeitos: eles têm compromisso com toda a população e não apenas com seus eleitores. Um cidadão pode não comungar com suas idéias políticas, mas paga seus impostos e tem direito aos benefícios como munícipe.
Claro que todos os prefeitos acabam fazendo política na prefeitura. Mas o que não é concebível é adotar distinção rançosa entre os companheiros e adversários eleitorais. O dia a dia das comunidades interioranas mostra que essa pratica ainda está longe de ser exterminada. No próximo século, talvez!

Os novos prefeitos não vão redescobrir a América e muito menos reinventar a roda. Entre o discurso e a pratica existem distância e obstáculos complicados. Promessas são acenos de esperança, estimulam criando expectativas. Mas é preciso ir com calma com o andor. Promover o desenvolvimento, acabar com o desemprego, dar saúde e ensino para todos pode parecer tarefa simples, mas não é.
Impossível o prefeito estreante se libertar dos velhos vícios, porque ele estará quase sempre atrelado ou comprometido com gente experiente, que mesmo antes da posse já apresentou a “fatura”. E para viabilizar seu governo, terá se rever conceitos e talvez até vender sua alma ao diabo. Faz parte do jogo. Como se diz: é a política muda o homem e não ele que muda a política.



Manoel Afonso
Comentarista da TV.Record-MS
mcritica@terra.com.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 27 de Março de 2017
Domingo, 26 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)