Cassilândia, Sábado, 26 de Maio de 2018

Últimas Notícias

27/10/2008 14:57

Manoel Afonso - Eleições: perdas & ganhos eleitorais

Manoel Afonso

Teve gente que saiu bem maior do que quando entrou. Casos por exemplo do Serra em São Paulo, Geddel Vieira na Bahia e Gabeira no Rio. O primeiro apadrinhou a sova que Kassab aplicou na Marta do PT. Os mais irônicos diriam: que castigo! Perder logo para o DEM – ex- Partido da Frente Liberal do Jorge Bornhausen!
Com isso Serra aumentou seu cacife para postular dentro do PSDB a candidatura à presidência em 2.010. No caso do deputado Geddel, parece que ele tem tudo para substituir o coronelismo de ACM ao emplacar o prefeito de Salvador, e centenas de prefeitos e vereadores no interior. É outro que saiu forte com poderes para negociar com o candidato ou candidata do Planalto em 2.010.

Sem estrutura compatível com o projeto, o deputado Gabeira foi a grande sensação deste segundo turno. Uma campanha barata, discurso ético e uma derrota por poucos votos. Com o sepultamento das velhas lideranças cariocas, Gabeira surge como um nome em 2.010. Quem viver verá!
Quem ganhou, mas não levou foi Aécio Neves ao ter dificuldades para viabilizar a sonhada convergência PSDB-PT. A vitória de Pimentel poderá trazer-lhe mais dissabores que frutos. É que antes, o neto de Tancredo havia apoiado Alckmin em São Paulo e acabou literalmente quebrando a cara. Seu dilema: sair do ninho tucano e embarcar no PMDB que elegeu 1.211 prefeitos ou enfrentar Serra na convenção do PSDB? Tudo leva a crer que decidirá pela primeira alternativa. O PMDB está estruturado nacionalmente e Dilma não tem apelo popular para deslanchar.
Quem perdeu mesmo foi Lula, que não conseguiu efetivar a transferência de prestígio aos seus candidatos principais. Falou muito em eleger Marta, mas o que se viu foi o PT sendo empurrado para a periferia e encontrando mais resistência nos setores conservadores da classe média. Lula também acreditava na virada de Maria do Rosário em Porto Alegre e sua derrota atinge também o ministro Tarso Genro e outros companheiros da ala radical do partido. Só para ilustrar: o PT elegeu apenas 782 prefeitos apesar do bom momento econômico do País.
Uma coisa é certa: os caciques do PMDB estão sorrindo e com razão. O partido cada vez mais forte e com “razões concretas” para exigir participação cada vez maior no Governo Federal. Como se diz: um partido cada vez mais “muy amigo”. Sarney, Temer e cia não estão para brincadeiras.



Manoel Afonso
Comentarista da TV.Record-MS
mcritica@terra.com.br

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 26 de Maio de 2018
Sexta, 25 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)