Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

06/05/2010 07:11

Manoel Afonso - 2010: Eleição pobre de candidatos

Manoel Afonso

Evidente a polarização entre Dilma e Serra na disputa presidencial, deixando o eleitor sem outras boas opções neste pleito. Ambos são de esquerda e apesar das constantes acusações recíprocas, têm entre si mais identidades do que divergências. A saída de Ciro empobreceu o debate, enquanto Marina Silva parece refém de sua biografia política confinada as questões ambientais.
Lembrando: em 1989 tivemos 22 postulantes, dentre eles figuras de peso como Brizola, Ulysses, Lula, Afif, Aureliano, Maluf e Freire. Cada qual com seu partido, discurso e plataforma de administração, abrindo ao eleitor um leque de alternativas segundo seu critério de escolha. Já no pleito seguinte, em 1994, a disputa envolveu menos candidatos, mas FHC, Quércia, Lula e Espiridião Amim eram nomes notáveis no contexto político do país. A votação de cada um deles provou isso.
Mas o sucesso das administrações de Fernando Henrique e de Lula, onde os números florescentes da economia conviveram com projetos sociais de igual êxito, acabaram carreando para seus respectivos partidos formidáveis dividendos eleitorais Como conseqüência, as agremiações que sempre se postaram mais ao centro e direita ideologicamente, acabou perdendo espaço e a representação parlamentar. E aí, acabaram se contentando apenas com participações coadjuvantes, ora com o PSDB, ora com o PT.
Muito bem! Mas é o caso de se perguntar: que tipo de debate vamos assistir entre Dilma e Serra? Ora! Ambos defendem o papel do Estado como indutor do desenvolvimento, ao contrário do velho discurso da direita que preconiza o Estado mínimo, apenas garantindo os preceitos de segurança e bem estar, deixando espaços para a livre iniciativa. Fora disso vão investir nas conhecidas comparações do desempenho de FHC e Lula no Planalto.
Essa falta de pluralidade de discursos e idéias não é boa. Chega a ser muito ruim. Não satisfaz plenamente. Passa a falsa impressão que finalmente atingimos o Mirvana, dispensando retoques, sugestões ou até mesmo mudanças de rumo no barco chamado Brasil.
Por tudo isso, é que essa eleição já está sendo chamada de chinfrim.

Manoel Afonso















O Cassilandianews não se responsabiliza por artigos ou opiniões com autoria

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)