Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

08/11/2005 17:04

Mais um caso de doença transmitida pelo carrapato

Vitor Abdala/ABr

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) confirmou hoje (8) mais um caso de febre maculosa (doença transmitida pelo carrapato). O exame de sangue no professor aposentado de 62 anos, que está internado em um hospital do Rio desde 25 de outubro, deu resultado positivo para a presença da doença. Este é o quarto caso confirmado, entre os cinco suspeitos de terem contraído a doença há três semanas, na cidade de Petrópolis.

A informação foi divulgada pela assessoria de imprensa do Hospital São Lucas, onde o aposentado está internado. Antes dele, exames laboratoriais já haviam confirmado a contaminação pela febre maculosa do superintendente da Vigilância Sanitária do município do Rio, Fernando Villas-Boas Filho, que morreu, e de uma turista baiana que já está curada.

A Fiocruz também confirmou, a partir de uma análise clínico-epidemiológica, a contaminação do jornalista Roberto Moura, que também morreu. Segundo a Fundação, os sintomas apresentados pelo paciente condizem com os da febre do carrapato.

Uma quinta vítima suspeita de ter contraído a febre maculosa, uma economista de 38 anos, continua internada, mas ainda não teve o resultado de seu exame laboratorial divulgado. Segundo a assessoria de imprensa da Clínica São Vicente, a paciente deve receber alta amanhã e o resultado do exame deve ficar pronto nos próximos dias.

O Hotel Capim Limão, onde as cinco vítimas estiveram hospedadas e onde suspeita-se tenham contraído a doença, não está mais interditado, uma vez que não foram encontrados carrapatos no local.

Em uma trilha próxima ao hotel, no entanto, foi encontrado um foco de carrapatos e o local já foi isolado pela Vigilância Sanitária. O caminho só será liberado depois de receber placas que informem a presença dos animais na área.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)