Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

16/05/2009 15:45

Mais de 1 milhão de pessoas já trocaram de operadora

Sabrina Craide , Agência Brasil

Brasília - Desde setembro do ano passado, quando começou a vigorar a portabilidade numérica no país, mais de 1 milhão de pessoas conseguiram mudar de operadora sem trocar o número do telefone. De acordo com a Associação Brasileira de Recursos em Telecomunicações (ABR Telecom), entidade que administra a portabilidade no Brasil, foram registrados 1,3 milhão de pedidos no período, sendo que 67% foram de usuários de telefone celular e 33% de fixos.

O estado com maior número de solicitações é São Paulo, que teve 291 mil pedidos de troca de operadora com manutenção do número. Em seguida, aparecem Minas Gerais, com 193,7 mil solicitações, e Paraná, com 172,7 mil pedidos.

A implantação da portabilidade numérica foi disponibilizada gradativamente para os 67 DDDs existentes no Brasil, entre 1º de setembro de 2008 e 2 de março de 2009.

Para trocar de prestadora e manter o número, o consumidor deve se dirigir à operadora para a qual ele quer migrar e pedir uma nova habilitação mantendo o número atual. A operadora antiga terá, no máximo, um dia útil para conferir os dados do usuário e o processo de portabilidade deve ser concluído até cinco dias depois da solicitação do consumidor.

Na telefonia fixa, a portabilidade só poderá ser feita dentro da mesma área local – município ou conjunto de municípios. Para os celulares, a manutenção do número será possível dentro da mesma área de registro – que corresponde ao DDD.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)