Cassilândia, Sexta-feira, 17 de Agosto de 2018

Últimas Notícias

25/05/2018 14:00

Mais de 1 bilhão de animais podem morrer devido à paralisação dos caminhoneiros

Agência Brasil

Pelo menos 1 bilhão de aves e 20 milhões de suínos poderão morrer nos próximos dias devido à falta de ração no campo, fora os animais que estão em caminhões não autorizados a transitar nas rodoviais do país. Com a paralisação dos caminhoneiros, o risco aumentou, de acordo com a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

Em nota divulgada hoje (25) a ABPA informa que o acordo negociado entre o governo e o movimento de paralisação, “ainda não surtiu efeito nas estradas”. “Caminhões com carga viva não são autorizados a transitar. A situação mais grave está no trânsito de ração, que está sendo impedido.” 

O alerta da associação teve apoio do presidente Michel Temer nesta manhã. “Acabei de verificar uma coisa muito desagradável: os frangos estão morrendo. Estão se canibalizando, eu nem sabia disso. Uma coisa terrível para os produtores, principalmente em Santa Catarina."

A entidade informa ainda que em diversos locais há falta de insumos e animais, colocando em risco a alimentação dos bichos: “Aqueles que ainda contam com estoques, estão fracionando para prolongar ao máximo a oferta do alimento”.

Só hoje, a ABPA registrou 152 plantas frigoríficas de aves e suínos paradas. Mais de 220 mil trabalhadores estão com atividades suspensas. “A situação setorial é caótica. Empresas poderão fechar pelos prejuízos causados pela paralisação. Uma intervenção rápida e forte por parte do governo é urgente para evitar a mortandade de milhões de animais.”

Na tentativa de evitar o desabastecimento e os prejuízos aos produtores, Temer anunciou hoje que militares vão desbloquear estradas e atuarão para garantir que caminhões possam chegar ao destino.“Vamos garantir a livre circulação. O governo espera e confia que cada caminhoneiro cumpra seu papel.”

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 17 de Agosto de 2018
09:00
Santo do dia
08:20
Cassilândia
Quinta, 16 de Agosto de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)