Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

15/03/2014 08:15

Mais 78 famílias de dois municípios são beneficiadas por programa de governo

Notícias MS

A governadora em exercício, Simone Tebet, inaugurou na manhã desta sexta-feira (14) 40 unidades habitacionais no município de Bandeirantes, totalizando investimentos de R$ 1,2 milhões em parceria com o governo Federal. As casas foram construídas através do Programa Minha Casa Minha Vida Sub-50, destinado a municípios com população de até 50 mil habitantes.

Cerca de 160 pessoas foram beneficiadas com a entrega das chaves das novas residências do Conjunto Habitacional Nicanor Antônio de Souza, onde o Governo do Estado investiu cerca de R$ 201 mil como contrapartida do investimento Federal e a prefeitura doou o terreno para a construção das casas.

Segundo a governadora em exercício, a parceria estabelecida entre os governos estadual, federal e municipal é fundamental para que as habitações sejam construídas, independentemente do local da obra. Simone destacou ainda que a área social é uma das bandeiras da administração do governador André Puccinelli e, desta forma, nunca se construiu tantas casas populares na história do Estado. “O governo quer que toda a população tenha qualidade de vida e não existe qualidade de vida sem habitação. Temos o projeto mais arrojado de habitação da história de Mato Grosso do Sul, espalhando casas por todos os municípios de MS”.

Enfatizando que o Estado está construindo uma casa por hora ao longo dos últimos sete anos de administração, o secretário de Estado de Habitação e das Cidades, Carlos Marun, destacou também a importância das parcerias e a dedicação das pessoas envolvidas para que essa quantidade de casas populares seja erguida em Mato Grosso do Sul. “Trabalhando juntos e sem vaidade, conseguimos chegar a este número de 1 casa por hora, fechando os oito anos de administração com 70 mil casas populares entregues. Nós autorizamos as pessoas a sonharem e o resultado está sendo esse. Nós, da administração pública, não construímos casas apenas para as pessoas morarem em imóveis novos. Construímos para, acima de tudo, as pessoas tenham vidas mais felizes. Esse é o nosso objetivo”.

Para o prefeito Márcio Faustino de Queiroz, a população de Bandeirantes e também a administração municipal, se sentem privilegiadas por serem atendidas com a construção do conjunto habitacional e destaca que o Estado tem dado tamanha importância para o setor da habitação que o município já tem um novo projeto para serem construídas mais unidades habitacionais. “Eu sei da dificuldade que é tocar um projeto deste tamanho. Encontrar um terreno que suporte tamanho empreendimento, executar os projetos para financiamento, só mesmo com muita dedicação e vontade. Aqui está o resultado e, em conversa com o secretário Marun, pretendemos assinar ainda este ano, contrato para a construção de mais 180 moradias. A área para isso nós já garantimos”.

A realização de um grande sonho foi o destaque dado pelo moradores que receberam as chaves das casas e agora possuem moradia própria, não mais dependendo de aluguel para morar. A dona de casa Camila Luiza Carvalho, de 26 anos, casada e mãe de um filho de quatro, disse que há algum tempo é inscrita em programas da casa própria e quando foi sorteada, o choro de emoção foi inevitável. “Esta casa é tudo que sempre sonhei com o meu marido e meu filho. O que nos dá mais alegria é ver nossa criança sonhando com o quartinho dele, pedindo para pintarmos as paredes com temas infantis e falando que agora pode chamar coleguinhas para brincar. Isso não tem preço e a administração pública nos ajudou a realizar esse sonho”, contou.

Ivonete Aparecida Pacheco, 38 anos, dona de casa e mãe de cinco filhos conta que hoje mora em uma chácara onde o marido é caseiro e a casa é velha. De acordo com a beneficiada, O recebimento das chaves da nova moradia representa dignidade ao poder dizer que é proprietária de uma casa. “Moramos em uma chácara, de favor e a felicidade em termos a nossa própria casa é indescritível. Esta casa aqui é muito melhor do que a que moramos hoje. Estamos todos realizando um grande sonho.

Jaraguari

Em Jaraguari, a governadora em exercício entregou chaves para 38 famílias que vão morar no Conjunto Habitacional Costa. As moradias foram construídas nos mesmos moldes do projeto de Bandeirantes. Cada casa possui área de 41,66 metros quadrados, com dois quartos, sala, cozinha e banheiro e os investimentos somam R$ 1,1 milhão.

O prefeito Vagner Gomes Vilela reiterou que esta ação atendeu a uma grande anseio da população de Jaraguari, ajudando ainda a reduzir o déficit habitacional no município. “Uma cidade pequena como a nossa seria incapaz de executar uma obra como essa. Por isso, estamos extremamente agradecidos aos governos estadual e federal pela construção desse Conjunto Habitacional. Com isso, nosso déficit de moradias é diminuído e o governo não tem medido esforços para que isso aconteça”.

A dona de casa Cléia Ortiz, 36 anos e mãe de cinco filhos, contou que hoje vive de aluguel e, com a economia que a família terá com a nova casa, sonhos poderão ser realizados. “Isso é tudo pra minha família. Hoje gastamos cerca de R$ 300,00 por mês com aluguel e é um dinheiro que vai embora. Agora, não tendo mais esta despesa, vamos investir em ampliar a nossa casa nova. Quero construir uma varanda e mais um quarto. Nossa vida será mais fácil a partir de agora”, finalizou.

Os eventos contaram com a presença da governadora em exercício Simone Tebet, dos prefeitos municipais Márcio Faustino (Bandeirantes) e Vagner Gomes Vilela (Jaraguari), além do secretário de Estado de Habitação e das Cidades, Carlos Marun, senador Waldemir Moka e deputado estadual Márcio Fernandes.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)