Cassilândia, Quarta-feira, 29 de Março de 2017

Últimas Notícias

09/03/2005 10:10

Luizinho diz que ponte rodoferroviária será fiscalizada

Inara Silva/Campo Grande News


A ponte rodoferroviária sobre o rio Paraná, que liga São Paulo a Mato Grosso do Sul, no município de Aparecida do Taboado, a 431 quilômetros de Campo Grande, poderá ser fiscalizada pelo Poder Público. O deputado estadual Luiz Tenório (PL) agendou para o dia 27 de abril uma audiência para discutir a situação da obra, inaugurada em 1998, e vai propor que a Assembléia Legislativa peça a fiscalização do local. Ele adiantou que ainda este mês visita o município para levantar dados que comprovem o desgaste da ponte e os riscos que ela corre. “Desde que ela foi criada não passou por nenhuma manutenção”, garantiu em entrevista ao programa Tribuna Livre, FM Capital. A situação da ponte rodoferroviária é mesmo precária. Matéria recente publicada pelo Campo Grande News mostrou que inclusive a fiação da rede de iluminação foi roubada e as ferragens já se desprendem. No empreendimento, concluído há sete anos, foram investidos em torno de R$ 500 milhões.A obra foi iniciada pela Ferronorte e concluída pelo governo do Estado de São Paulo com recursos da União. Desde 31 de dezembro de 1999, quando finalizou o prazo do contrato entre a União e o Governo do Estado de São Paulo, a ponte ficou sem dono. Pela cláusula do convênio que viabilizou a obra ficou acertado que a União e o Estado de São Paulo só definiriam quem assumiria a administração ao fim da obra, mas como muitos pontos ficaram pendentes ela continua tecnicamente não concluída.A ponte tem quase quatro quilômetros e é tida a maior do gênero no mundo. Por cima, são quatro pistas para veículos e sob elas estão os trilhos por onde passam os trens. Quase 80% da soja exportada pelo porto de Santos são escoados pela ponte, o equivalente a 20% do total nacional de exportações do grão e seus derivados.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 29 de Março de 2017
Terça, 28 de Março de 2017
21:41
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)