Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/04/2006 14:56

Líderes decidirão sobre convocação de Thomaz Bastos

Agência Câmara

O presidente da Câmara, Aldo Rebelo, disse há pouco que pretende discutir com os líderes de partidos, ainda esta semana, a inclusão, na pauta do Plenário, do requerimento da bancada do PPS que convoca o ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, para prestar esclarecimentos sobre a participação de seus subordinados no acesso ilegal à conta bancária do caseiro Francenildo dos Santos Costa.
Aldo Rebelo explicou que pretende consultar os líderes por considerar essa a forma mais democrática de elaboração da pauta de votações do Plenário, apesar de ter a prerrogativa de defini-la sozinho.
A bancada do PPS protocolou requerimento na Mesa Diretora da Câmara na última quarta-feira (29) que, se aprovado, obriga o ministro a comparecer ao plenário da Casa para detalhar as investigações da Polícia Federal sobre a ação do ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci contra o caseiro. Francenildo acusou o então ministro de ser freqüentador assíduo da mansão que reunia, em Brasília, a chamada "República de Ribeirão Preto", formada por lobistas amigos de Palocci.

Polícia Federal
Aldo não quis fazer comentários sobre a necessidade de investigação do ministro da Justiça pela Polícia Federal. Ele ressaltou que dois assessores do ministro - o secretário de Direito Econômico, Daniel Goldberg, e o chefe de gabinete, Cláudio Alencar - já compareceram à PF para depor. Na opinião do presidente, o julgamento sobre a necessidade de ampliar as investigações compete à instância policial.
O presidente também afirmou que considera Márcio Thomaz Bastos um advogado e ministro muito respeitado.

CPMI dos Correios
Sobre o impasse envolvendo a votação do relatório final da CPMI dos Correios, Aldo disse ser essencial que a comissão aprove um documento, para permitir que todos os atos investigados tenham os desdobramentos necessários após a conclusão dos trabalhos da CPMI.
Ele não quis opinar sobre o conteúdo do relatório e destacou que a elaboração do documento é uma prerrogativa do relator, sendo de competência apenas dos integrantes da comissão a análise do teor do relatório.

Agenda legislativa
As declarações de Aldo foram feitas na sede do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), onde ele participará, em instantes, do Lançamento da Agenda Legislativa do Advogado de 2006.

Reportagem - Alfredo Lopes/Rádio Câmara
Edição - Renata Tôrres

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)