Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/01/2006 18:54

Líderes decidem votar fim de salário extra

Priscilla Mazenotti /ABr

Os líderes dos partidos na Câmara dos Deputados decidiram votar o Projeto de Decreto Legislativo (PDL) que determina o fim do pagamento de salários extras no período de convocação, durante reunião com o presidente da Casa, deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP). "Vejo uma mudança. Mudam-se os tempos, mudam-se as verdades", afirmou Aldo.

Além do PDL, os parlamentares concordaram em votar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que reduz o recesso parlamentar de 90 dias. A mudança pode instituir o prazo de 45 dias para o recesso. A sessão plenária que votará as duas propostas começou há pouco na Câmara.

O líder da oposição, deputado José Carlos Aleluia (PFL-BA), reagiu favoravelmente ao acordo. "O recesso, extenso como era, não tinha cabimento. Mas o mais importante é o não-pagamento de nenhuma sessão extraordinária", opinou.

Caso a redução do recesso seja aprovada, os trabalhos no Congresso serão suspensos de 30 de dezembro a 30 de janeiro e de 15 a 30 de julho. "Além disso, não se encerraria o ano sem a votação do Orçamento e só teríamos convocação mediante aprovação de metade mais um do número de parlamentares", explicou o líder do PT na Câmara, Henrique Fontana (RS).

Para o relator do PDL, deputado Inocêncio Oliveira (PL-PE), a aprovação da proposta acaba definitivamente com pagamentos extras na convocação extraordinária. "Não há pagamento em qualquer forma e isso inclui, também, os servidores da Casa", explicou.

"Vamos tentar votar tudo hoje e acredito que a grande maioria dos parlamentares votará pela aprovação do projeto", explicou o líder do PSB, Renato Casagrande (ES).



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)