Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

19/02/2009 21:07

Lideranças tradicionais indígenas acusam manifestantes

Vinicius Konchinski , ABr

Dourados (MS) - Lideranças indígenas tradicionais da região sul de Mato Grosso do Sul afirmam que o grupo de índios que acampa há 24 dias em frente ao escritório da Fundação Nacional do Índio (Funai) em Dourados (MS) defende interesses de não-índios. Segundo eles, os cerca de 40 manifestantes que pedem a saída de Margarida Nicoletti da chefia da Funai na cidade querem tumultuar o processo de demarcação de terras indígenas iniciado em julho do ano passado.

De acordo com Anastácio Peralta, índio guarani-kaiowá e membro da Comissão Nacional de Política Indigenista (CNPI), Margarida foi a primeira administradora regional da Funai de Dourados que se comprometeu a ampliar as terras indígenas da região. Foi em sua gestão que a Funai firmou um compromisso com a Procuradoria da República de demarcar áreas de ocupação tradicional das etnias guarani-kaiowá e guarani-nhandeva - fato que foi alvo de críticas de entidades que representam os produtores rurais e também de políticos sul-mato-grossenses.

“Eles [os manifestantes] articularam o protesto com políticos contra a demarcação”, afirmou Peralta, em entrevista à Agência Brasil. “Eles dizem que querem melhorar as cestas, facilitar a retirada de documentos, mas isso é um projeto sério? Índio precisa é de mais terras.”

O cacique guarani-kaiowá Getúlio Juca de Oliveira também acredita em articulação política dos manifestantes. “Eles são muito poucos, não representam a maioria. Os políticos combinaram com alguns, que combinaram com outros, e eles foram para lá.”

Em comunicado enviado à imprensa, o Comitê Indigenista Missionário (Cimi) de Dourados afirma que os protestos pela saída de Margarida representam “interesses políticos dos não-índios que querem prejudicar a atual administração [da Funai]”.

Hoje, em entrevista à Agência Brasil, Dirce Veron, uma das líderes da manifestação, afirmou que as acusações contra o protesto querem “mudar o foco real da discussão”. Filha do cacique kaiowá Marcos Veron, assassinado em 2003 durante conflitos por terra, ela disse que nenhum dos manifestantes acampados deseja barrar a ampliação das terras indígenas do sul do estado.

“Meu pai morreu pela terra. Você acha que não quero mais terras para nosso povo também?”, disse. “Eu só não concordo com a forma que a Funai está querendo demarcar essas áreas. Não quero mais ver índios morrendo por causa terra na região.”

Sobre uma suposta influência política no protesto, a índia Beth Moreira, que foi candidata a vereadora de Dourados pelo partido Democratas, afirmou que a suspeita não tem fundamento. Ela disse que os manisfestantes são representantes de suas comunidades e a única ajuda de não-índios que o protesto recebeu foi da população que prestou solidariedade por meio de doação de alimentos.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)