Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

29/02/2008 09:51

Leia Amplavisão, por Manoel Afonso

Manoel Afonso

CAI DO CÉU Ano eleitoral e ajuda a municípios garante votos agora e 2.010. Aí os deputados estão sorrindo com a liberação de 500 mil reais que cada um terá direito na contemplação de emendas às suas cidades preferidas.

BOM SINAL André é franco também neste ponto: “se pudesse daria muito mais”. Ele conta com a compreensão dos deputados a respeito da real situação, mas o valor das emendas parlamentares dobrou em relação à 2.007.

PEPINOS Se não bastasse a questão da exportação da carne bovina, vem agora o risco da perda de R$50 milhões mensais com a Reforma Tributária. André age rápido e essa é a hora da bancada federal mostrar serviço.

HASHIOKA Falamos no “Morenão”. Feliz com os R$2.100.000,00 das emendas de Delcídio. Fechará o mandato (2º) com chave de ouro. Lembrou que o senador fez sucesso por onde passou em Nova Andradina.

EX-DEPUTADO observa: “ Delcídio pouco vai à Assembléia e seus deputados são “invisíveis”. Chefe político com projeto precisa de um grupo de sustentação. Levy Dias também cometeu esse erro e foi pra casa mais cedo”.

VALTER PEREIRA Sem grupo, corre contra o tempo e precisa definir seu espaço no PMDB, que “mudou muito”. O episódio do Incra poderá ser uma “vitória de Pirro” se o novo superintendente fracassar na política fundiária.

VESPEIRO A questão da terra é dose! Igreja, índios e ideologias formam um coquetel explosivo. Não conheço o potencial do professor Flodoaldo, mas sua responsabilidade aumentou proporcionalmente à novela da nomeação.

O FUTURO homem forte do INCRA precisa falar após sua posse. Precisa mostrar seu potencial, planos e eventuais mudanças no gerenciamento do órgão. Até aqui tem se mostrado corretamente do ponto de vista ético.

TUCANOS no divã: disputam ou não a prefeitura da capital? Com Marisa na CPI dos Cartões a ótica de análise é outra? As amarrações partidárias não esperam. É no como baile: se chegar tarde não encontra parceira pra dançar.

EMPREGO VITALÍCIO Se o Congresso aprovar a Convenção 158 da OIT, demitir um empregado ficará impossível ou caríssimo e prejudicará quem está fora do mercado de trabalho. A França, por exemplo, está sofrendo com isso.

DIVERGÊNCIAS Companheiro de Carmelino no PPS, o vereador Athayde não concorda com sua postura no caso da Santa Casa. Chama de abominável o episódio em que colocaram cadeado na porta do hospital.

LULA Bem orientado fala o que o povo entende fácil e adora ouvir: sem metáforas. Agora no Rio de Janeiro sapecou: “o povo brasileiro é gente boa, gente honesta, gente decente, que tem família e quer trabalhar.”


ENERSUL Tenta melhorar a imagem ruim homenageando o poeta Manoel de Barros.
Sem ilusões! É pura estratégia de marketing. É lobo em pele de cordeiro como provou a CPI na Assembléia. O bolso do consumidor que o diga!

ASSEMBLÉIA Nota 10 em produtividade com resultados práticos, como a CPI da Enersul. O mesmo não ocorre com o debate institucional, que enriquece o parlamento. A expectativa é que ele melhore neste 2.008.

OS DEPUTADOS veteranos estariam acomodados? Aos novatos é até admissível pela falta de intimidade com esse universo, mas nem por isso estão isentos da busca do aprimoramento. Todos ganham com o debate institucional.

DESABAFO de um advogado: “A OAB acabou virando uma ONG. Cuida do meio ambiente, dos presos, da corrupção, da saúde e outros assuntos e esquece do advogado, refém da cruel morosidade do Judiciário.”

À PROPÓSITO Pressão alta matará a maioria dos advogados. No fórum da capital é visível a tensão. Todos no limite! Ex-Juiz advogando desabafa: “Insuportável. Vou sair dessa máquina de fazer doido”. Ele pode. E o resto?

BOM NEGÓCIO Lá fora as ONGs (Greenpeace) auxiliam o governo sem ônus. Aqui elas viraram ações entre amigos com o dinheiro público. Das 275 mil ONGs existentes, 8 mil vivem de verbas públicas sem prestar de contas.

E RESOLVE O TSE anuncia o registro biométrico do eleitorado brasileiro, como se isso fosse sanar os problemas. Ora! Nosso mal maior é a venda pura e simples do voto: por necessidade ou desilusão com a classe política.

CHEGANDO Bem colocado nas pesquisas para a prefeitura do Rio o senador Crivella visitará nossa capital, segundo o dirigente José Divino do PRB, com 25 filiados no MS. Em março (dia 29) o PRB promoverá seu 1º seminário.

JOSÉ DIVINO Experiente, acha que com a força da IURD, é possível eleger vários vereadores na capital e interior. Diz que o partido não discrimina credos e lembra que o atual vice José Alencar integra os quadros do PRB.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)