Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

18/06/2010 11:00

Leia Amplavisão, por Manoel Afonso

Manoel Afonso

DAGOBERTO Apesar de nova derrota no TJMS e do TSE anunciar que o “ficha limpa” vale também para os condenados antes da lei, ele alega que não corre perigo. Mas não é bem assim; “a água está subindo rapidamente”.

NOS BASTIDORES a preocupação é geral. A pergunta: impedido, quem no PDT poderia substituí-lo? O partido emagreceu com o racha e ficou direcionado mais no projeto pessoal de Dagoberto. Sem ele, como ficaria?

O DEPUTADO tem contra si duas condenações confirmadas pelo TJ e que envolvem seu nome como gestor público (Detran e Secretaria de Segurança). A decisão do TSE foi uma surpresa agradável apenas aos olhos da sociedade.

A ÚLTIMA cartada de Dagoberto seria no STF, onde repousam também as esperanças de Maluf e outros condenados. Mas a opinião pública, via mídia, insiste na cobrança por medidas moralizadoras na vida pública partidária.

OS PARTIDOS Vergonhosamente sem critérios morais para acolher candidatos. Basta ter estrutura financeira e... tudo bem”. Montar partido aqui é como fundar igreja.
Atende mais aos interesses de meia dúzia. E segue a galopeira.

O JUDICIÁRIO mete o dedo no Legislativo porque os políticos não fazem o dever de casa. Legislam em causa própria. Onde está a reforma eleitoral que o Lula prometia no palanque? De novo mesmo só o Mensalão. Não é?

LULA convive hoje com Sarney, Maluf, Renan, Collor e Tuma, que ele chamava de arautos do atraso e da oligarquia. Como imaginar que eles querem a reforma eleitoral, se tiram proveito da lei superada, de encomenda!

NO BRASIL partido político é lenço de papel. A lei protege os políticos com lei de foro especial. Ninguém foi para a cadeia até hoje! É aquela história: se está bom para a “tchurma”, mudar pra que? Não sejamos ingênuos...

1-DÚVIDAS Quem será o companheiro (a) de Zeca? Se Dagoberto dançar, dona Gilda continuaria na suplência ao senado do PDT? O que muda na candidatura de Murilo? Lula pode mesmo virar o jogo eleitoral no MS?

2-DÚVIDAS Edyl Albuquerque repensa sua decisão? Raul Freixes dançou com “ficha limpa?” Quando será que Delcídio anuncia seu novo suplente? Você acredita mesmo em Nelsinho fazendo campanha para a Dilma?









LEMBRO: Nas eleições paroquiais discute-se as questões locais e seus personagens. Não é fácil conseguir uma leitura do quadro estadual como extensão do cenário nacional como pretendem os petistas. O eleitor separa as disputas.

MANCADA Marina Silva não me engana. Agora defende o controle social da imprensa. Será que andou falando com o Chavez ou com o Marco Aurélio Garcia? Quem tem medo da imprensa tem culpa no cartório.

A IMPRENSA tem prestado inestimáveis serviços ao país. Foi ela que combateu a Ditadura, denunciou Collor, o Mensalão, Maluf, Tuma Jr. e muitas maracutaias. Imagine esse país com a imprensa sob controle!

“O TRÔCO” Na eleição da OAB, Onevan discursou na vitória de Leonardo. Agora Ari Raghiant, juiz eleitoral do TRE, votou contra o deputado embora seu caso fosse idêntico ao de Rigo. Mágoas que afloram na estrada da vida.

ONEVAN é experiente hábil neste terreno e preferiu não alardear sua visão sobre a postura de Ari, que parece não ter digerido aquela derrota. No saguão da AL e nos meios forenses, o caso foi alvo de comentários e críticas.

É PENA Falei com Marquinhos Trad sobre o episódio de seu pai e o CQC. Vamos esperar o que a Corregedoria da Câmara irá apurar. Mas infelizmente a versão na mídia é ruim para a biografia do nobre deputado federal.

VALE A PENA assistir na internet o discurso corajoso e emocionante do deputado Domingos Dutra,(PT), contra o acerto de seu partido, via Lula, com Sarney no Maranhão. Engraçado...Lula mudou mesmo de idéia.

TACADA! Dane-se o resto. O negócio é garantir os votos de 8 milhões de beneficiados com o aumento do valor aposentadoria! Essa estratégia de Lula pode bem ter definido as eleições presidenciais. Nada como ter a caneta.

PENSANDO BEM... Zeca critica a postura de André, mas seu temperamento demonstrado nas entrevistas constrange. Se a voz não muda, pelo menos deveria adotar a postura equilibrada, própria de quem já afaga netos.

ALELUIA! As novas regras para a TV paga vão acabar com o “mumú” da Net e da Skay. Ambas deitam e rolam, aproveitam do consumidor sem outras opções, cobrando um dos preços mais caros do mundo. É a tal exclusividade.

ARREMATE Quanto custa uma candidatura ao legislativo? Apenas idealismo e vontade de contribuir para a sociedade? Na apreciação de nomes e projetos eleitorais é bom não esquecer destas interrogações. De leve...



O Cassilandianews não se responsabiliza por artigos ou opiniões com autoria

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)